Com cabeça no clássico, Cássio alivia: 'Somar pontos é importante'

Com cabeça no clássico, Cássio alivia: 'Somar pontos é importante'

Goleiro Cássio não foi muito exigido na partida contra o Fluminense

Goleiro Cássio não foi muito exigido na partida contra o Fluminense

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O goleiro Cássio não trabalhou muito na tarde deste domingo. O Fluminense até teve boas chances, mas nada que desse muito trabalho ao goleiro alvinegro. Do outro lado, o Corinthians teve a sua melhor chance nos pés de Guerrero, que desperdiçou.

Para o goleiro Cássio, o empate sem gols é também é mérito do Fluminense, que segundo ele tem muita qualidade e tradição.

"O campeonato é muito longe, é difícil. A melhor chance foi do Guerrero. Infelizmente, acabou errando. Acontece. Agora, é pensar no próximo jogo. Fluminense tem muita qualidade e tradição", declarou, na saída do gramado.

Com o resultado, o Timão chegou aos sete pontos e ainda não perdeu no Brasileirão. Para Cássio, isso é o mais importante: não perder pontos.

"Nós pensamos sempre em ganhar, mas não perder pontos é importante. Em três partidas, sete pontos. Começamos bem. Agora temos clássico na nossa casa e vamos buscar mais três pontos lá", explicou, citando a próxima partida, contra o Palmeiras, na Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians e Flamengo se enfrentam nesta quinta, às 19h30

    Corinthians encara clássico contra o Flamengo por vaga nas semifinais da Copinha

    ver detalhes
  • Timão venceu rival brasileiro em Orlando e carimbou classificação à final da Florida Cup Playoff

    Em noite de estreias e gol de Kazim, Corinthians goleia o Vasco na Florida Cup

    ver detalhes
  • Craque da partida, Kazim marcou um gol e deu uma assistência em apenas 45 minutos; Cristian foi abaixo

    Time reserva supera titular em notas da partida

    ver detalhes
  • Carille já foi avisado que Fagner e Rodriguinho podem ser convocados

    Além de Fagner, meia do Corinthians pode ser chamado por Tite para a Seleção Brasileira

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes