Tite prega respeito à Ponte e elogia Guto Ferreira: 'Tem minha gratidão'

Tite prega respeito à Ponte e elogia Guto Ferreira: 'Tem minha gratidão'

Por Meu Timão

Tite comandou o Corinthians na vitória por 1 a 0 sobre a Ponte Preta em abril, pela quarta de final do Estadual

Tite comandou o Corinthians na vitória por 1 a 0 sobre a Ponte Preta em abril, pela quarta de final do Estadual

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Timão enfrenta a Ponte Preta nesta quinta-feira, às 19h30, na Arena Corinthians. Em tom de respeito, o técnico Tite analisou os pontos fortes do adversário desta noite, que deu bastante trabalho na quarta de final do Paulistão 2015.

"Reconheço o trabalho da Ponte na busca por atletas de qualidade, o trabalho do Guto Ferreira. Em termos táticos, foi a equipe que mais dificuldade nos trouxe no Campeonato Paulista", reconheceu Tite, durante entrevista coletiva na noite desta quarta-feira no CT Joaquim Grava.

Uma das preocupações do treinador é com o setor ofensivo da equipe campineira. Em apenas nove rodadas, a Ponte já balançou as redes adversárias em 15 oportunidades. "É uma equipe com o segundo melhor ataque. Perdeu contra o Fluminense, mas até tomar o gol estava igual ou superior", alertou.

Além do ataque, o comandante do Corinthians explicou sobre a criação de jogadas do time de Guto Ferreira. "Renato Cajá é meia de armação na sua essência, armador, organizador... Estamos com dificuldades de encontrar esse tipo de jogador no futebol brasileiro", acrescentou Tite, que voltou a elogiar o técnico da Ponte.

"Minha gratidão a ele, tem se afirmado como um dos profissionais que tem trazido esse componente tático. Sei o quanto ele trabalha bem no dia a dia. O quanto procura manter uma estrutura e trazer peças de reposição. Perde jogadores e consegue repor", finalizou.

Veja Mais:

  • Corinthians imagina que receberá propostas por Yago e Balbuena

    Corinthians estuda vender zagueiro e intensifica busca por contratação defensiva

    ver detalhes
  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Sub-20 comemorando título do Corinthians/UNIP no futsal

    Sub-20 conquista título estadual e Corinthians fica perto de fim de ano perfeito no futsal

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes