Depois de cogitar estreia de Matheus Pereira, Tite justifica ausência

Depois de cogitar estreia de Matheus Pereira, Tite justifica ausência

Matheus Pereira esteve perto da estreia

Matheus Pereira esteve perto da estreia

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians vencia o Atlético-PR por dois gols de diferença e garantia uma vaga no G4 do Campeonato Brasileiro. O técnico Tite cogitou a possibilidade de promover a estreia do meia Matheus Pereira na equipe profissional, mas não a fez.

O treinador explicou o que o levou a mudar de ideia e como isso faz parte do seu dia a dia na hora de montar as escalações da equipe do Corinthians. Nessa quinta-feira, ele repetiu a mesma escalação pela terceira vez consecutiva pela primeira vez desde o seu retorno ao time.

"Tem duas linhas de pensamento no futebol, acredito na repetição de uma equipe para jogadas de memória. E nisso está a repetição da base da equipe, essa sincronia e coordenação de movimentos é fundamental. Eu divido a equipe em duas partes, para que haja um processo de entrosamento dela, para que quando entrar o outro jogador, também já saiba", começou explicando o treinador.

"Nós precisamos fazer esse tipo de trabalho para que dê esse sentido. Prepara os atletas que têm. Eu ia colocar o Matheus, porque ele e um articulador, é que o jogo estava em um nível maior. A gente procura, dessa forma, repetir. Tem outros que acham que e só manter a intensidade, é outra linha. Eu prefiro manter a estrutura. Trabalho de equipe", completou.

Veja Mais:

  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, à direita, deve retornar ao time; Léo Jabá é dúvida

    Corinthians terá ao menos uma mudança na escalação para encarar Palmeiras

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes