Recém chegado ao futebol chinês, Paulinho ainda promete volta ao Timão

Recém chegado ao futebol chinês, Paulinho ainda promete volta ao Timão

Por Meu Timão

4.8 mil visualizações 68 comentários Comunicar erro

Paulinho ficou três anos no Corinthians

Paulinho ficou três anos no Corinthians

Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

No final do mês de junho, o ex-Timão Paulinho acertou sua transferência do Tottenham, da Inglaterra, ao Guangzhou Evergrande, da China. Sob o comando de Felipão, novo técnico da equipe chinesa, estreou com vitória por 2 a 0 sobre o Changchun Yatai, e já acumula três partidas pela equipe.

Ainda que esteja há dois anos longe do Corinthians, o volante de 26 anos não esconde que deixou as portas abertas para um possível volta ao clube do Parque São Jorge, no futuro.

"É difícil acompanhar (os jogos do Corinthians), assistir ao vivo, mesmo pela internet. Tem o fuso. Os jogos no Brasil às 22h de quarta passam às 10h de quinta aqui. Os de sábado e domingo passam às 4h da manhã. O que tenho para falar, o corintiano sabe disso, é que o clube vai ficar na minha vida para sempre", afirmou Paulinho em entrevista ao GloboEsporte.com.

"Sei que me acompanham e alguns seguirão para o resto da carreira, assim como eu farei o mesmo com o Corinthians. Espero que um dia, não sei em quantos anos, eu possa voltar ao Corinthians. Não sei se vou ter aquele gás todo, mas seria uma prazer. Não posso dizer o tempo, cara, porque é muito difícil no futebol. Espero que um dia, se o Corinthians ver essa necessidade. Ele me deu tudo", completou.

Montando sua nova vida na China, Paulinho planeja cumprir seu contrato, assim como - quase - foi feito no Timão, onde conquistou o Campeonato Brasileiro de 2011, Libertadores e Mundial de Clubes de 2012, além do Campeonato Paulista de 2013.

"Aqui não vai ser diferente das outras equipes nas quais joguei. No Corinthians, quase cumpri meu contato. Só que o título da Copa das Confederações tornou as coisas muito bem encaminhadas para sair do Brasil. Saí do Corinthians com contrato e o dever cumprido. Foi bom para o clube e para mim também. Meu plano, que tenho hoje na cabeça, é que planejo cumprir os quatro anos de contrato", concluiu o jogador.

Veja Mais:

  • Basquete do Corinthians tem jogo importante longe de seus domínios nesta semana

    Jornada dupla no Brasileirão e nas quadras: os compromissos do Corinthians na semana

    ver detalhes
  • Corinthians de Ralf já respira mais tranquilo na luta contra a parte de baixo da classificação

    Jogos de domingo chegam ao fim, e Corinthians dobra distância para o Z4; veja classificação

    ver detalhes
  • Ándrés Sanchez aparece do lado do presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, e Ronaldo

    Presidente do Corinthians se reúne com presidente do Real Madrid em passagem pela Espanha

    ver detalhes
  • Avelar teve atuação contestada pela torcida após jogo desse sábado contra o Vasco

    Avelar admite queda de rendimento, lista possíveis motivos e diz que pode melhorar no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes