Relembrando carreira, Marcelinho revela que não queria vir jogar no Timão

Relembrando carreira, Marcelinho revela que não queria vir jogar no Timão

Por Meu Timão

Marcelinho Carioca esteve no jogo de inauguração da Arena Corinthians

Marcelinho Carioca esteve no jogo de inauguração da Arena Corinthians

Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Antes de se tornar o craque da Fiel, Marcelinho Carioca contou que não tinha planos de deixar o Flamengo. A contragosto, o meio-campista veio e acabou vivendo o que chamou de "Melhor coisa que aconteceu na vida".

"Se eu falar que eu queria, vou estar mentindo", disse o jogador, em participação ao programa Tête-à-tête com o Téo, exibido no último domingo, no canal Bandsports. "Vim a contragosto, mas foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida! Aprendi a ser corinthiano", completou.

Lembrado pela torcida corinthiana como o "Pé de Anjo", Marcelinho Carioca marcou 206 gols nas 433 partidas que fez enquanto vestia a camisa do Timão, onde conquistou quatro Campeonatos Paulistas (1995, 1997, 1999 e 2001), dois Brasileiros (1998 e 1999), uma Copa do Brasil (1995) e o primeiro Mundial de Clubes (2000).

Relembrando a participação em um amistoso do Corinthians, em 2010, contra o Huracán, da Argentina, Marcelinho comentou que alguns jogadores, na época, foram contra o projeto. "Coisas que nós ficamos sabendo. Ciúme de atletas que não queriam dividir o holofote", revelou.

"Não deixaram nem eu jogar 90 minutos, porque tinha Libertadores. Imagina se eu faço um gol de falta. E nesse primeiro tempo, eu arrebentei, joguei bem demais. Dei passe, participei das jogadas", concluiu.

Depois do ocorrido, Marcelinho só voltou a vestir a camisa do Timão no jogo de inauguração da Arena Corinthians, em 10 de maio de 2014, que também contou com diversos jogadores que marcaram a história do clube do Parque São Jorge, como o goleiro Ronaldo, Luizão, Rivellino, Rincón, Vampeta, Edílson, Dinei e muitos outros atletas.

Veja Mais:

  • Guilherme diz ser meia-atacante; posição como meia-central do 4-1-4-1 não agrada

    Guilherme abre o jogo, se vê prejudicado por esquema e pede sequência no Corinthians

    ver detalhes
  • Love marcou 14 gols no Brasileirão 2015, abaixo apenas de Ricardo Oliveira, artilheiro

    Na Turquia, ex-Corinthians supera Eto'o e briga pela artilharia do campeonato

    ver detalhes
  • Pablo, Maycon, Léo Jabá... Corinthianos comemoram virada nas redes sociais

    Pablo, Maycon, Léo Jabá... Corinthianos comemoram virada nas redes sociais

    ver detalhes
  • Confira os gols de Mirassol 2x3 Corinthians

    VÍDEO: Confira os gols de Mirassol 2x3 Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes