Vetado, Renato Augusto não treina nessa sexta-feira

Vetado, Renato Augusto não treina nessa sexta-feira

Por Meu Timão

Renato Augusto foi vetado pelo DM do Corinthians e não treina

Renato Augusto foi vetado pelo DM do Corinthians e não treina

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

As chances de Renato Augusto atuar contra o São Paulo, no domingo, estão cada vez menores. O meia foi vetado pelo departamento médico de participar do treinamento do Corinthians nessa sexta-feira. A informação é do GloboEsporte.com.

O técnico Tite esperava contar com o jogador na penúltima atividade do grupo antes do clássico. Porém, ainda com dores por conta de uma inflamação no nervo ciático, o meia foi proibido de treinar. O problema foi diagnosticado na quarta-feira e, desde então, ele não treinou com o time.

Ainda segundo a publicação, Renato treinou em períodos nessa quinta-feira e ainda contou com a presença do fisioterapeuta Caio Mello em sua casa, no período da noite, para dar sequência ao tratamento médico.

O Corinthians ainda terá o último treinamento na manhã desse sábado, quando o técnico Tite deve definir qual será a equipe que inicia o clássico. Enquanto isso, o comandante indicou que Rodriguinho pode ficar com a vaga de Renato, mas também chegou a testar Danilo e Matheus Pereira nas últimas atividades.

Veja Mais:

  • Bruno Alves se desligou do Figueirense na Justiça

    Zagueiro anunciado pelo rival foi oferecido antes ao Corinthians

    ver detalhes
  • Vantagem do Timão caiu um ponto em relação à 20ª rodada; equipe tem um jogo a menos

    Confira a distância do Corinthians para os principais concorrentes ao título brasileiro

    ver detalhes
  • Moisés, que deve ser titular contra a Chape, com Pedrinho durante treino no CT

    Liberação de Marciel no Corinthians não deve alterar substituto de Arana em Chapecó

    ver detalhes
  • Corinthians é líder mundial nas redes sociais

    Corinthians é a entidade esportiva com melhor performance nas redes sociais do mundo, diz estudo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes