Treinador cita 'oscilação' do ataque e revê opções para lateral

Treinador cita 'oscilação' do ataque e revê opções para lateral

Por Meu Timão

Em entrevista coletiva, Tite analisou a derrota para o Internacional fora de casa

Em entrevista coletiva, Tite analisou a derrota para o Internacional fora de casa

Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O técnico Tite preferiu não dar “desculpas” após a derrota por 2 a 1 para o Internacional, no Beira-Rio. Nesta quarta-feira à noite, o Timão abriu o placar fora de casa, mas acabou derrotado por falhas do setor defensivo. No entanto, uma das críticas feitas pelo treinador foi, justamente, o ataque.

“Oscilou hoje na parte ofensiva. Não teve aquela criatividade, a característica que o time tem, o passe, a jogada mais eficiente... Mérito da marcação do Internacional também. Mas esteve um pouco abaixo nesse processo”, reconheceu Tite, durante entrevista à ESPN Brasil, após o apito final.

O duelo entre Corinthians e Internacional começou bem disputado. Após um corte mal feito do zagueiro Paulão, o atacante Malcom pegou a sobra e emendou de fora da área. O jovem corinthiano contou com um desvio da zaga gaúcha para marcar o primeiro gol do duelo. Mais tarde, Réver e Valdívia colocariam os donos da casa à frente do placar.

Além da derrota, Tite ganhou mais uma “dor de cabeça”. Nos minutos iniciais, o comandante perdeu o lateral-esquerdo Uendel, por contusão. O titular se junta a Guilherme Arana, que também segue fora de combate no departamento médico.

Já o lateral-direito Edílson, que substituiu o camisa 6, falhou no lance que originou o gol da vitória do Internacional, e ainda terá de cumprir suspensão no clássico contra o Santos, no domingo. “É muito cedo, tenho que pensar, ver. Tem o Yago, que é um zagueiro que atua mais pelo lado esquerdo. Talvez o Arana, não sei se ele estará à disposição. Quem jogar vai ter a confiança”, finalizou.

Veja Mais:

  • Guilherme Arana disputará Sul-Americano no Equador

    Corinthianos são convocados para Sul-Americano Sub-20; Jabá fica fora

    ver detalhes
  • Moisés, de 21 anos, foi um dos destaques do Bahia em 2016

    Destaque do Bahia, lateral faz parte dos planos do Corinthians para 2017

    ver detalhes
  • Internacional foi alvo de gafe da Fifa

    Fifa comete gafe, troca escudo do Internacional e põe foto do Corinthians no lugar

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    [Teleco] Alan Mineiro não fica no Corinthians em 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes