Depois de 'campeonato manchado', Levir é só elogio a Corinthians de Tite

Depois de 'campeonato manchado', Levir é só elogio a Corinthians de Tite

Por Meu Timão

Levir finalmente elogiou o desempenho do Corinthians no Brasileirão

Levir finalmente elogiou o desempenho do Corinthians no Brasileirão

Foto: Reprodução / TV

Depois de insistir que o Campeonato Brasileiro estava "manchado" mais de uma vez, o técnico Levir Culpi finalmente se rendeu a superioridade do Corinthians. Durante entrevista no programa Bola da Vez, do canal ESPN, o antigo treinador do Atlético-MG elogiou o trabalho do Timão e de Tite.

"Eu considero o trabalho do Corinthians o melhor de todos, porque é o time que melhor entra no campo. Se você considerar os jogadores do meio-campo, é o time que mais ocupa os espaços, e ainda eles têm um aproveitamento de contra-ataque muito bom. O time funciona de trás para frente. O nosso time ainda funciona um pouquinho melhor da frente para trás, mas o conjunto do Corinthians encaixou desta maneira, o Tite arrumou um jeito de encaixar", declarou Levir.

Depois de muitas reclamações durante toda a competição, o treinador distribuiu elogios aos jogadores do Corinthians. "Os jogadores de marcação do Corinthians, especificamente Jadson, que é um craque que começou jogando comigo no Atlético-PR muito novinho, ele já está com outra cabeça; o Renato Augusto e o Elias. Vamos considerar Jadson e Renato Augusto, são dois jogadores tecnicamente muito ofensivos, que conseguiram se adaptar muito bem na marcação. Então, se você consegue fazer um sistema defensivo com jogadores de alta qualidade técnica, a tua possibilidade de escapar rápido, escapar no contra-ataque, ela é muito boa. E ainda você tem os jogadores velozes na frente, o Vagner e o Malcom quando jogam são muito rápidos. Então o que acontece: foi o que melhor se encaixou e nós ainda estamos apanhando um pouquinho nisso, mas é o segundo melhor", completou.

Sem ter seu contrato renovado pelo time mineiro, Levir está desempregado por enquanto. Durante o Brasileirão, o técnico insinuou mais de uma vez que o campeonato estava "manchado" por que o Corinthians estava sendo beneficiado pela arbitragem para chegar a liderança e conquistar o título.

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes