Com novo concorrente na zaga, Yago cita responsabilidade de substituir Gil

Com novo concorrente na zaga, Yago cita responsabilidade de substituir Gil

Por Meu Timão

Yago luta para manter a titularidade com a chegada de Balbuena

Yago luta para manter a titularidade com a chegada de Balbuena

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Yago é um dos jogadores do Corinthians que ganhou oportunidade na equipe após a saída de peças importantes do grupo que conquistou o hexacampeonato brasileiro. O zagueiro tem a tarefa de substituir Gil, que deixou o Brasil para jogar no futebol chinês. Formando a dupla de zaga com Felipe, o atleta assume que tem grande responsabilidade por substituir o ex-companheiro e sabe da importância de jogar bem já que a diretoria acertou a contratação de mais um jogador para a posição.

“Cara, é uma responsabilidade (risos)... Meu deus, o Gil, não posso dizer ídolo, mas pra mim, como eu trabalhei de perto e o vi de perto, é o melhor zagueiro que tem fora do Brasil disparado. Não conheço outros de perto, mas o Gil é um ícone pra mim, tem muitas jogadas que faço lembrando o que o Gil fazia”, afirmou Yago, com ambição de substituir bem o antigo colega de clube.

“Ele era excelente em tudo o que fazia, mas é uma responsabilidade a mais para mim, me dá bastante concentração pra entregar o meu melhor, estou substituindo um cara que foi campeão de praticamente tudo no Corinthians. Mas espero ir bem, jogo a jogo e quem sabe um dia superá-lo”, completou.

Yago vem jogando bem em um momento importante, já que busca se firmar no time titular, principalmente agora que a diretoria acertou a contratação do paraguaio Fabián Balbuena. Com boas atuações e marcando um gol na vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo, neste domingo, o zagueiro sabe que precisa manter a regularidade e citou a importância de continuar jogando bem.

“Sei que o Tite é um cara correto e vai colocar pra jogar quem estiver bem. Vinha se falando que era um jogo meio de teste pra mim, só tinha jogando contra XV de Piracicaba, Audax. Pude mostrar meu trabalho num clássico, quer é um jogo mais difícil. Pude mostrar minha confiança pra torcida, pra diretoria”, concluiu o jogador.

Veja Mais:

  • Timão conquistou Paulistão sobre a Ponte Preta; times voltam a se enfrentar logo na abertura de 2018

    Corinthians e Ponte Preta reeditam final na abertura do Paulistão 2018; veja a tabela

    ver detalhes
  • Os 10 momentos mais marcantes do Hepta

    VÍDEO: Os 10 momentos mais marcantes do Hepta

    ver detalhes
  • Alessandro Nunes e Roberto de Andrade são responsáveis por formar elenco de 2018

    Presidente do Corinthians estabelece número ideal de contratações para 2018 e promete time forte

    ver detalhes
  • Timão encara o arquirrival Palmeiras na ida da final da Copa do Brasil

    Com entrada gratuita, Arena Corinthians recebe decisão do Sub-17

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes