Com histórico negativo, Corinthians treina pênaltis na Arena antes de decisão

Com histórico negativo, Corinthians treina pênaltis na Arena antes de decisão

Por Lucas Mariano

Corinthians treinou na Arena nesta segunda-feira

Corinthians treinou na Arena nesta segunda-feira

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Depois de empatar sem gols no Uruguai, o Corinthians volta a enfrentar o Nacional nesta quarta-feira, na Arena, em jogo que vale vaga nas quartas de final da Copa Libertadores. Diante da possibilidade de uma decisão por pênaltis, o Timão reforçou o treinamento nesta segunda, em treino realizado justamente no palco do confronto decisivo.

A partida só irá para a decisão por pênaltis se o placar de 0 a 0 se repetir. Em caso de empate com gols, o Nacional leva a melhor e avança. Caso as duas equipes novamente saiam sem balanças as redes, o Corinthians terá de encarar um retrospecto desfavorável.

Além de ter perdido as duas decisões que aconteceram em sua casa, o clube do Parque São Jorge não acertou nenhuma cobrança durante o tempo regulamentar em jogos realizados em seu estádio neste ano.

Vindo da eliminação do Audax, na semifinal do Campeonato Paulista, o Corinthians desperdiçou os três pênaltis que teve nesta temporada na Arena. Ao analisar o retrospecto do ano em todos os estádios, foram dois gols e quatro erros.

No treino desta segunda-feira, o desempenho do grupo foi bom. Na primeira sequência de cobranças, que pode ser acompanhada antes de os jornalistas irem à sala de imprensa, Elias, Fagner, Bruno Henrique, Lucca, Rodriguinho, Felipe e Marquinhos Gabriel marcaram, André e Yago chutaram para fora e Uendel teve o chute defendido por Matheus Vidotto.

Os jogadores que treinaram as cobranças enquanto os jornalistas acompanhavam a atividade eram os titulares. Vale lembrar, no entanto, que Marquinhos foi substituído por Giovanni Augusto durante o treino.

Sobre a possibilidade de enfrentar uma nova decisão por pênaltis, Elias ressaltou que a equipe vem treinando e relembrou Jadson, batedor oficial do clube em 2015.

“Todos que treinaram estão lá para bater. Tite vai escolher os que tiverem melhores condições físicas e psicológicas. Pênalti é competência. Não fomos competentes. Segunda eliminação e quatro pênaltis perdidos no ano. Ano passado tínhamos um bater que não perdeu nenhum, que era o Jadson”, afirmou o volante.

Relembre os pênaltis cobrados pelo Corinthians em 2016

23/04 – Corinthians 2 (1) x (4) 2 Audax (Arena Corinthians)
Cobrança de pênaltis: André converteu; Fagner e Rodriguinho erraram;
03/04 - Palmeiras 1 x 0 Corinthians - Paulista - Lucca não converteu;
30/03 - Corinthians 2x1 Ponte Preta - Paulista - Romero não converteu; (Arena Corinthians)
30/03 - Corinthians 2x1 Ponte Preta - Paulista - Luciano não converteu; (Arena Corinthians)
09/03 - Cerro Porteño 3x2 Corinthians - Libertadores - Giovanni Augusto converteu;
21/02 - Ferroviária 2x2 Corinthians - Paulista - Lucca converteu;
31/01 - Corinthians 1x0 XV de Piracicaba - Paulista - Rodriguinho não converteu; (Arena Corinthians)

Veja Mais:

  • Clayton disputou 14 jogos, marcando dois gols

    Corinthians e Atlético-MG finalizam últimos detalhes para devolução de Clayton

    ver detalhes
  • Romero, Jô, Rodriguinho e Fagner, personagens do PES 2018

    Presença do Corinthians na demo de PES 2018 é anunciada pela Konami; veja novo trailer do game

    ver detalhes
  • Clayton está liberado para voltar ao Atlético-MG

    Bom negócio? Torcedores de Corinthians e Atlético-MG repercutem devolução de Clayton

    ver detalhes
  • Carille definiu os jogadores que iniciam o duelo contra a Chapecoense

    Carille saca Clayson, mantém Jadson fora e escala Corinthians para enfrentar Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes