Com reformulação e título, Timão só tinha quinta maior folha salarial do Brasil em 2015

Com reformulação e título, Timão só tinha quinta maior folha salarial do Brasil em 2015

Por Meu Timão

Ganhando R$500 por mês, o meia Elias é o mais bem pago do atual elenco de jogadores

Ganhando R$500 por mês, o meia Elias é o mais bem pago do atual elenco de jogadores

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Apesar de ter conquistado o título do Campeonato Brasileiro do ano passado, o Corinthians não é um dos clubes brasileiros que mais gastaram com salários na temporada. O Timão provou que é possível reajustar os valores salariais do clube e, ainda assim, apresentar um futebol competitivo e com condições de lutar por títulos.

Em 2015, o Corinthians foi apenas o quinto clube de maior folha salarial entre os que estiveram na disputa do Campeonato Brasileiro. Ficando atrás de Cruzeiro, Palmeiras, São Paulo e Internacional, respectivamente.

Com um total de R$115,7 milhões gastos, o Timão conseguiu ‘enxugar’ sua folha salarial após as saídas de Paolo Guerrero e Emerson Sheik, dois atletas de peso nesse quesito. Além dos atacantes que deixaram o clube rumo ao Flamengo, o Corinthians também negociou o lateral esquerdo Fábio Santos para o futebol mexicano.

Em meio à reformulação no elenco entre o ano passado e a atual temporada, a tendência é que esse número apresentado seja ainda mais baixo. Com as vendas de Jadson, Renato Augusto e Gil para o futebol chinês, jogadores que tinham salários elevados em relação aos demais, o Corinthians deve manter a posição no ranking ou ainda ficar em uma posição abaixo da apresentada em 2015. É importante lembrar também das baixas de Vagner Love e Malcom para o futebol francês e do zagueiro Edu Dracena para o Palmeiras.

Mesmo com as diversas contratações em 2016, entre as principais, Guilherme, Giovanni Augusto, Marquinhos Gabriel e Marlone, nenhum destes jogadores chegou com a folha salarial longe dos padrões dos demais companheiros de equipe.

Resta à Fiel, esperar por mais uma campanha de destaque no Campeonato Brasileiro e que o elenco comandado pelo técnico Tite supere os fracassos das eliminações no primeiro semestre do ano com uma conquista nacional em sequência.

Confira os cinco jogadores mais bem pagos do elenco:

Elias: R$ 500 mil
Cristian: R$ 420 mil
Guilherme: R$ 380 mil
André: R$ 350 mil
Giovanni Augusto: R$ 320 mil
Cássio: R$ 320 mil

Veja Mais:

  • Kazim não deve permanecer no Corinthians em 2018

    Corinthians quer definir destino de Kazim nos próximos dias; chegada de Dutra deve atrapalhar turco

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos pode ser emprestado para outro clube em 2018

    Com chegada de reforço, Corinthians estuda empréstimo de Fellipe Bastos

    ver detalhes
  • Minds Idiomas segue na manga da camisa corinthiana em 2018

    Com até bolsa de estudos a jogadores, Corinthians renova com patrocinador para manga da camisa

    ver detalhes
  • Renê Júnior, Zé Rafael e Juninho Capixaba: Corinthians de olho em trio do Bahia

    Novo presidente do Bahia é eleito, e Corinthians deve definir ao menos três negociações

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes