Após virada, Tite engrandece Fiel e destaca seriedade de criticado André

Após virada, Tite engrandece Fiel e destaca seriedade de criticado André

Por Meu Timão

Em entrevista após o término da partida, Tite analisou a virada corinthiana diante do Coritiba

Em entrevista após o término da partida, Tite analisou a virada corinthiana diante do Coritiba

Foto: Reprodução/Premiere

A heroica vitória do Corinthians sobre o Coritiba, neste sábado à noite, na Arena em Itaquera, deixou Tite bastante orgulhoso. Não é para menos: depois de ver Negueba abrir o placar no primeiro tempo, o comandante promoveu a entrada de Giovanni Augusto, Danilo e André na etapa final e ajudou sua equipe a triunfar pelo placar de 2 a 1. Em entrevista coletiva, o técnico fez questão de agradecer os mais de 26 mil corinthianos presentes na Arena Corinthians.

“Eu falei há um tempo que a torcida do Corinthians estava sendo impaciente com o torcedor. O torcedor nos acariciou, inclusive o André na hora de entrar no jogo”, valorizou Tite.

Com gols de André e Uendel, ambos marcados nos minutos finais do duelo, o Timão derrotou o Coritiba e chegou aos 13 pontos na Série A do Campeonato Brasileiro. Como o Internacional entrará em campo somente neste domingo, o esquadrão alvinegro dormirá na ponta mais alta da tabela.

Um atleta, em especial, mereceu a atenção de Tite em grande partida da coletiva: André. O camisa 9, criticado veemente pelas recentes atuações, teve o apoio da Fiel e contribuiu para a vitória na noite deste sábado. Sincero, o treinador corinthiano disse torcer para que o centroavante obtenha o mesmo sucesso que seu antecessor, Vagner Love.

“Tomara que sim, eu torço que sim. O carinho do torcedor, um cara que vai trabalhar e trabalha sério. Eu não tô aqui pra esconder erros de atletas, identificar e passar de bonzinho. Eu estaria enganando a mim mesmo”, defendeu.

“Então se ocara trabalha, tem o meu respaldo. Se o cara for negligente, não. Toda pessoa que sente acolhida, útil, com carinho, a possibilidade dela fluir é natural. Quando eu recebo alguma inquietação atrás do banco, me tira do natural. Tenho 55 anos, cinco (seis) títulos com o Corinthians e interfere comigo. Também interfere no atleta”, finalizou.

Agora, o Timão terá a semana inteira de treinamentos antes de enfrentar o arquirrival Palmeiras, domingo (12), às 16h (de Brasília), no Allianz Parque.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes