Presidente muda discurso e não garante Carille até fim do ano

Presidente muda discurso e não garante Carille até fim do ano

Roberto de Andrade não negou chance de contratação de novo treinador em 2016

Roberto de Andrade não negou chance de contratação de novo treinador em 2016

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Após demitir Cristóvão Borges e confirmar a promoção a Fábio Carille, então auxiliar técnico do Corinthians, o presidente Roberto de Andrade mudou de discurso. Embora a equipe tenha derrotado o Fluminense e se classificado às quartas de final da Copa do Brasil, na noite desta quarta-feira, na Arena em Itaquera, o mandatário reiterou que “tudo pode acontecer”.

“O trabalho dele (Carille) a gente já conhece, a gente já sabe como ele trabalha. Ele trabalhou muitos anos com o Tite e tem uma semelhando no modo de trabalhar. Ele veio, motivou todo o grupo, ficamos felizes e foi isso que aconteceu”, afirmou o presidente corinthiano em entrevista na zona mista.

Criticado por parte da Fiel, que contesta a falta de planejamento do clube em 2016, Roberto surpreendeu ao ser questionado se traria outro treinador para a vaga de Carille antes do fim do ano. “A gente vai levando até aparecer alguém, estamos trabalhando e sabemos da capacidade dele. Tudo pode acontecer e se tiver a oportunidade vai acontecer. Ele está até o final do ano, mas tudo pode acontecer”, acrescentou o dirigente, que negou ter “preferência”.

“Não é questão de preferência, é os que estão aí. São sempre os mesmos treinadores, a gente não vai trazer ninguém da Europa, da Ásia, então a gente sempre acaba ao redor desses que estão no mercado, é normal”, finalizou.

Com gol de Rodriguinho, o Timão bateu o Fluminense por 1 a 0 e obteve a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. A equipe do Parque São Jorge se reapresenta ao CT Joaquim Grava na quinta-feira à tarde, já de olho no próximo duelo com o rival carioca, domingo, na Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Clayson foi escolhido por Carille para, mais uma vez, substituir Jadson

    Corinthians encerra preparação, e Carille mantém escalação sem Jadson para jogo deste sábado

    ver detalhes
  • Fagner já tem 208 jogos, sete gols e dois títulos pelo Corinthians

    Fagner fala sobre fazer história no Corinthians, revela papo com Léo Príncipe e manda recado à Fiel

    ver detalhes
  • Adauto disse contar com Walter, mas goleiro não será obrigado a permanecer

    Diretor do Corinthians explica situação de Walter, prevê volta de Douglas e alfineta rival

    ver detalhes
  • Paulinho botando Ashley Cole para correr na vitória sobre o Chelsea, em 2012

    'Alto nível': passagem de Paulinho pelo Corinthians é citada por dirigente do Barcelona

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes