Eduardo Ferreira deixa diretoria do Corinthians

Eduardo Ferreira deixa diretoria do Corinthians

Por Meu Timão

Eduardo Ferreira vinha sendo pressionado pela torcida

Eduardo Ferreira vinha sendo pressionado pela torcida

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Eduardo Ferreira não é mais dirigente do Corinthians. Diretor-adjunto de futebol do clube desde fevereiro de 2015, ele deixou o cargo nesta sexta-feira. A informação foi confirmada pelo Meu Timão.

A saída de Eduardo Ferreira está ligada ao acerto feito por Roberto de Andrade com o técnico Oswaldo de Oliveira, conforme antecipado pelo Meu Timão. O então diretor-adjunto e braço direito do mandatário era contrário à contratação do treinador, mas foi ignorado pelo presidente alvinegro.

Eduardo Ferreira ainda não se pronunciou publicamente sobre o assunto. A tendência é o dirigente conceder uma entrevista no CT Joaquim Grava nesta sexta-feira à tarde para oficializar a saída.

Vale destacar que apesar de ainda não ter sido anunciado pelo Corinthians, Oswaldo de Oliveira já se acertou com o presidente Roberto de Andrade. Em meio a um racha político que pode chegar até mesmo ao gerente de futebol Alessandro Nunes, o clube não se pronunciou sobre o anúncio.

Trajetória no Corinthians

Ex-assessor da Gaviões da Fiel e portanto diretor da principal organizada do Corinthians, Eduardo Ferreira assumiu o cargo de diretor-adjunto no início da gestão de Roberto de Andrade à frente do clube, em fevereiro de 2015. Na época, era o braço direito do então diretor de futebol Sergio Janikian.

Com o pedido de demissão de Janikian, pouco após a eliminação do Corinthians na Libertadores da temporada passada, e, posteriormente, a saída de Edu Gaspar junto com Tite à Seleção Brasileira, cresceram a responsabilidade e a exposição de Eduardo Ferreira no clube do Parque São Jorge.

Pressionado pela torcida e por boa parte dos conselheiros, Eduardo Ferreira já dava sinais de desgaste e sinalizava a possibilidade de deixar o cargo antes do fim do mandato de Roberto - fevereiro de 2018. O controverso acerto com Oswaldo de Oliveira, porém, é que foi a gota d'água.

Veja Mais:

  • Com saída de Adriano, Marquinhos herdou a camisa 10 do Timão na Libertadores 2012

    Campeão em 2011, Marquinhos diz ter celebrado hepta do Corinthians e ensaia retorno

    ver detalhes
  • Golaço de Rodriguinho sobre o Sport entrou em vídeo de emissora italiana

    Canal de esportes da Itália produz vídeo com cinco gols mais belos do hepta do Corinthians

    ver detalhes
  • Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    ver detalhes
  • Com bandeirões e muita festa, Fiel incentivou Timão no último treino aberto

    Corinthians abre à torcida último treino antes do jogo da taça

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes