Dirigente se diz responsável por saída de Tévez e Mascherano do Corinthians

Dirigente se diz responsável por saída de Tévez e Mascherano do Corinthians

Por Meu Timão

Tévez e Mascherano jogaram no Corinthians entre 2005 e 2006

Tévez e Mascherano jogaram no Corinthians entre 2005 e 2006

Foto: Reprodução/Olé Argentino

A escolha de Flávio Adauto como novo diretor de futebol do Timão, anunciada por Roberto de Andrade na última sexta-feira, surpreendeu parte da torcida alvinegra. Isso porque o dirigente, corinthiano fanático e conselheiro vitalício, trabalhou como vice-presidente de comunicação durante a gestão de Alberto Dualib, mandachuva do clube entre 1993 e 2007.

Em entrevista ao LANCE!, Adauto disse ser responsável pela saída do volante Mascherano e o atacante Carlos Tévez do Corinthians, em 2006. “Fui eu quem o afastou. Ele e Mascherano. Os dois se negaram a prosseguir, conversei com o Leão e dispensei em entrevista. Eles estavam na concentração e queriam ir embora para Buenos Aires, que teriam que se apresentar à seleção (argentina). Milonga de argentino”, recordou o cartola.

“Eu respondi que não, que eles precisavam jogar contra o Grêmio e pronto. Eles jogaram, o Tévez puto da vida fez o gol da vitória e pronto. Não é que eles queriam ir embora. É que o tempo deles no Corinthians era curto, só de passagem”, acrescentou o diretor, que viu a dupla de argentinos se transferir para o West Ham, da Inglaterra.

Entre outros assuntos, Adauto foi questionado a respeito da contratação de um astro do campo e do marketing, assim como Ronaldo Fenômeno, oito anos atrás. O nome de Ronaldinho Gaúcho, em fase final de carreira, parece não impulsionar os ânimos do novo comandante alvinegro.

“Não sei (se é viável). O Fenômeno sempre mostrou que queria provar que podia jogar, mesmo com todos os problemas físicos. O outro Ronaldo não chegou nesse ponto. Antes de parar o Fenômeno queria fazer algo mais na vida, tinha uma meta. Apesar de ter uma idade ele chegou com esse pensamento e enquanto se dedicou foi fantástico. Mas chegou um momento em que cansou”, declarou.

“Uma loucura seria um cara com investimento mais pesado de mídia e marketing, mas que desse retorno. E eu não estou vendo esse potencial”, finalizou.

Veja Mais:

  • Índio deu a vitória ao Corinthians/UNIP

    Com gol no fim, Corinthians vira para cima do Sorocaba e se aproxima do título nacional

    ver detalhes
  • Oswaldo comandou atividades desta segunda-feira

    Oswaldo esboça Corinthians para duelo com Cruzeiro; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Oya é um dos destaques do Timão na disputa no Sul do Brasil

    Timão joga bem, mas não impede segunda derrota na Copa Internacional Sub-20

    ver detalhes
  • Dispensado do Corinthians, Willians se pronuncia em rede social

    Dispensado do Corinthians, Willians se pronuncia em rede social

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes