Sem clube, Emerson Sheik revela desejo de encerrar carreira no Corinthians

242 mil visualizações 295 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Sheik foi essencial na conquista da Libertadores de 2012

Sheik foi essencial na conquista da Libertadores de 2012

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Herói do título da Libertadores de 2012, o atacante Emerson Sheik não esconde o grande carinho que mantém pelo Corinthians. Longe do Parque São Jorge há quase dois anos, o jogador relembrou sua passagem pelo clube e revelou uma intenção futura: ele gostaria de encerrar a sua carreira com a camisa do Timão.

Eu pretendo jogar até o primeiro semestre do próximo ano. Por tudo que foi conquistado, pelo relacionamento com o torcedor, funcionárias do clube – foram quatro anos mais ou menos – eu tenho o desejo de encerrar ano que vem no Corinthians”, contou o jogador em entrevista ao programa “Aqui com Benja”, pela Fox Sports, na noite deste sábado.

Aos 38 anos, Sheik está sem clube desde dezembro do ano passado, quando o seu vínculo com o Flamengo chegou ao fim. Segundo o atacante, a decisão de permanecer um período longe do mundo do futebol veio com a vontade de ficar ao lado dos dois filhos, para então poder definir o seu futuro no esporte com mais calma.

“O meu vínculo com o Flamengo acabou e havia uma negociação, (quero) aproveitar para agradecer todos que me procuraram, mas teve detalhes dentro do contrato que infelizmente no momento não deu certo. Uma das partes não concordavam. Era futebol brasileiro. Nesse momento, eu optei em dar uma seguradinha e ficar dois meses com meus filhos”, completou.

Com passagens pelo futebol do Japão e Catar, além de atuações no futebol brasileiro com Flamengo, Fluminense e Botafogo, foi no Corinthians que Sheik conquistou visibilidade. Contratado pelo clube alvinegro em 2011, o atacante brilhou com a camisa do Timão ao marcar dois gols na vitória contra o Boca Juniors, na segunda partida da final da Libertadores de 2012. O triunfo garantiu o título inédito para a equipe alvinegra, em pleno Pacaembu.

Ainda em 2012, Sheik participou da conquista do Mundial de Clubes, além dos títulos no Campeonato Paulista e da Recopa Sul-Americana no ano seguinte. O atacante deixou a equipe do Parque São Jorge em julho de 2015, com 157 partidas disputadas e 26 gols marcados.

Ao comentar sua saída, o jogador revelou que o Timão ainda mantém uma dívida em relação ao seu período no clube. Porém, o fato não é encarado como um problema por Sheik, que ressaltou a sua boa relação com a diretoria corinthiana ao falar sobre o assunto.

“O Roberto (de Andrade, presidente do Corinthians) sempre foi comigo muito verdadeiro. Quando eu digo que ele não está em dívida é porque sempre que eu mando mensagem ele me responde, sempre é muito atencioso e verdadeiro, não me escondeu nada, me explicou tudo o que estava acontecendo. Pior era se não me atendesse”, afirmou.

Questionado sobre uma possível ação judicial contra o Corinthians, Sheik garantiu que esta não é a sua intenção. “Não, de maneira alguma, e nem pretendo fazer isso. Espero e tenho certeza absoluta que, assim que ele puder, isso tudo vai ser resolvido. Ele tem toda a minha confiança, então estou tranquilo em relação a isso”, finalizou.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Volante ao lado do idoso atropelado e de sua família

    Ralf transfere vítima de acidente de hospital e faz visita nessa segunda-feira

    ver detalhes
  • Neto acusa elenco corinthiano de tentar derrubar Carilleneto

    Neto acusa elenco corinthiano de tentar derrubar Carille, detona jogadores e faz apelo ao técnico

    ver detalhes
  • Imagina como seria se você tivesse Fábio Carille como seu chefe no seu trabalho

    [Mayara Munhoz] Imagina como seria se você tivesse Fábio Carille como seu chefe no trabalho

    ver detalhes
  • Corinthians não tomou conhecimento das donas da casa na estreia em Quito

    Corinthians não sente altitude e estreia com vitória tranquila na Libertadores Feminina

    ver detalhes
  • Corinthians busca melhorar campanha da última temporada do NBB

    Guia Meu Timão do NBB: saiba tudo sobre o principal torneio do Corinthians na temporada

    ver detalhes
  • Ralf foi único jogador entre aqueles hoje considerados titulares que treinou com bola nesta segunda

    Sem punição, Ralf volta ao Corinthians e deve ser opção para Carille quarta-feira

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: