Fagner sobre jogar na Arena Corinthians pela Seleção: 'Curtir cada momento'

Fagner sobre jogar na Arena Corinthians pela Seleção: 'Curtir cada momento'

Por Meu Timão

2.0 mil visualizações 22 comentários Comunicar erro

Fagner voltará à Arena na terça-feira, desta vez pela Seleção

Fagner voltará à Arena na terça-feira, desta vez pela Seleção

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag.Corinthians

Fagner não escondeu a felicidade ao saber que será titular da Seleção Brasileira contra o Paraguai, na próxima terça-feira, na Arena Corinthians. Sem Daniel Alves, suspenso, o técnico Tite optará pelo lateral do Timão justamente no jogo a ser realizado em Itaquera, casa do clube alvinegro. Apesar da pressão que envolve um confronto de Eliminatórias, o ala de 27 anos pretende “curtir cada momento”.

“Pressão a gente vive todo dia, jogo em um time no qual sou pressionado constantemente por ser um clube de massa. Pretendo curtir cada momento, deixar essa pressão de lado, tentar aproveitar jogar no estádio que conheço, com a presença da minha família. Quero curtir cada momento”, disse Fagner em fala reproduzida pelo jornal Lance!.

Na noite na última quinta-feira, durante a vitória por 4 a 1 sobre o Uruguai, Daniel Alves levou cartão amarelo e ficou suspenso para o embate com o Paraguai. Presente em todas as convocações de Tite, Fagner fará sua segunda partida pelo Brasil. “Um privilégio”, segundo ele.

“Eu fico feliz de ter essa oportunidade, além de jogar no estádio do Corinthians vestir a camisa da Seleção. É um privilégio, todo jogador sonha com esse momento, mas vou tentar agir de forma natural para fazer do estádio minha casa e atuar bem”.

Além de Fagner, outro jogador do Corinthians poderá estar em campo na terça-feira: Ángel Romero, chamado por Arce para defender o Paraguai frente ao Brasil.

Entre outros assuntos, Fagner relembrou um episódio no qual foi corrigido por Tite. A orientação dada pelo treinador após uma falha cometida pelo lateral em um clássico foi marcante. “Teve um jogo uma vez na Vila Belmiro em que eu fui expulso. Depois do jogo, durante a semana, ele me chamou na sala dele e fez uma correção. Não precisou externar isso para ninguém, mas ele me passou uma lição, que eu pude evoluir, aprender. Ele preferiu me chamar, ficou só eu e ele. Me marcou bastante”, finalizou.

Veja mais em: Corinthianos na Seleção, Arena Corinthians e Fagner.

Veja Mais:

  • Corinthians jogou bem, mas não conseguiu sair vitorioso neste domingo

    Corinthians sofre gol impedido, reage no segundo tempo e fica no empate com o Internacional

    ver detalhes
  • Corinthians de Jair Ventura está em oitavo lugar no Brasileirão

    Corinthians 'volta uma casa' na classificação do Brasileirão, mas diminui distância para o G6

    ver detalhes
  • Danilo Avelar foi eleito o pior corinthiano em campo pela Fiel

    Novidade de Jair Ventura é enaltecida pela Fiel; lateral rouba cena e é eleito pior em campo

    ver detalhes
  • Mateus Vital fez bom jogo diante do Internacional neste domingo

    Análise: Corinthians reage após gol impedido e consegue empate contra o Internacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes