Pedrinho ganha um quilo; Corinthians quer mais dois até o término do Brasileirão

Pedrinho ganha um quilo; Corinthians quer mais dois até o término do Brasileirão

4.9 mil visualizações 54 comentários Comunicar erro

Pedrinho já ganhou um quilo de massa magra, mas comissão quer mais

Pedrinho já ganhou um quilo de massa magra, mas comissão quer mais

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Pedrinho vem recebendo tratamento especial da comissão técnica do Corinthians no CT Joaquim Grava. Perto de completar 19 anos, o jovem ainda não atingiu a maturidade corporal. Ou seja, ainda está em processo de evolução até o estado adulto, com mudanças biológicas e físicas. A transformação e o desenvolvimento do seu corpo estão sendo monitorados por fisiologistas, preparadores físicos, médicos e nutricionista, que acreditam que tais mudanças acontecerão até completar 20 anos.

E toda essa atenção especial vem dando resultado. Em entrevista exclusiva ao Meu Timão, Antonio Carlos Fedato Filho revelou que o camisa 38 já ganhou um quilo de massa muscular. O fisiologista ainda confirmou a meta de Pedrinho até o término do Brasileirão 2017.

"Pedrinho tem todo um controle com a nutricionista, que o acompanha e trabalha a parte de suplementação alimentar. Ele faz trabalhos específicos com a preparação física, para ganhar massa muscular e força. Desde que subiu aos profissionais, ele ganhou um quilo de massa magra, mas ele segue em formação. A mulher desenvolve até uns 21 anos, os homens um pouco menos. Até essa faixa de 20 anos a gente está desenvolvendo e ganhando peso. Este ano é importante, ele terá um ganho grande na faixa etária dele, principalmente de força e massa muscular, este ano está projetado uns três quilos de massa muscular", afirmou.

E MAIS: Fisiologista do Corinthians revela detalhes do trabalho interno no CT diante da maratona de jogos

A necessidade de ganho de massa muscular tem como objetivo enfrentar adversários mais fortes no futebol profissional. Trabalhos específicos estão sendo executados, como treinos de força, além de suplementação. Há também uma busca de mais condicionamento para que Pedrinho suporte os 90 minutos de forma uniforme, sem altos e baixos. No entanto, a comissão técnica tem a preocupação de não tirar sua velocidade e mobilidade, que comprovadamente são suas principais qualidades dentro de campo.

Pedrinho quando chegou ao profissional; e dois meses depois jogando contra a La U

Pedrinho quando chegou ao profissional; e dois meses depois jogando contra a La U

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Fedato falou sobre a preocupação em não tirar sua principal qualidade.

"Ele é um atleta que, pela estrutura e pela característica, por ser rápido, não será de contato. Então, Pedrinho terá condições para suportar algumas jogadas, mas não ficar como um atleta de contato. Um jogador quanto mais força tiver, mais velocidade ele ganhará, além de arranque", lembrou o fisiologista, que ainda completou:

"A adaptação de um jovem da base à equipe profissional de uma maneira geral passa pelo ganho de força. Em relação aos jogos em si, competirá com jogadores mais fortes, mais velhos, tudo isso entra na adaptação do atleta jovem. A preocupação é com todos, o Maycon e o Arana já passaram por times profissionais, já têm algum lastro. O Pedrinho ainda tem algum choque mudando de categoria", finalizou o fisiologista.

Veja mais em: Pedrinho e Departamento Médico.

Veja Mais:

  • Ramiro possui contrato com Grêmio até 2021; Timão contatou pai do atleta

    Corinthians consulta pai de Ramiro, do Grêmio, e mostra interesse no meia

    ver detalhes
  • Reunião do Conselho do Corinthians aconteceu no Parque São Jorge

    Conselho do Corinthians se reúne e aprova previsão orçamentária de 2019; Rosenberg causa irritação

    ver detalhes
  • Corinthians e São Paulo se enfrentaram pelas quartas de final da Copa RS

    Corinthians é derrotado pelo São Paulo nos pênaltis e dá adeus à Copa RS de 2018

    ver detalhes
  • CT da Base já está sendo utilizado pelas equipes sub-15, sub-17 e sub-20; gramados estão prontos

    Corinthians define duas etapas de finalização das obras do CT da base; orçamento é de R$ 25 milhões

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes