Apresentado na Ponte Preta, meia diz que não teve oportunidades no Corinthians

Apresentado na Ponte Preta, meia diz que não teve oportunidades no Corinthians

Por Meu Timão

61 mil visualizações 67 comentários Comunicar erro

Léo Artur deixou o Timão, ao lado de Claudinho, em uma troca pelo atacante Clayson

Léo Artur deixou o Timão, ao lado de Claudinho, em uma troca pelo atacante Clayson

Rodrigo Ceregatti / PontePress

Nesta quarta-feira, o meia Léo Artur foi oficialmente apresentado como jogador da Ponte Preta, após ser envolvido em uma troca pela ida do atacante Clayson ao Corinthians. Revelado nas categorias de base do Timão, o jogador de 22 anos criticou a falta de oportunidades no elenco alvinegro.

“Todo jogador quer ser valorizado, ter oportunidade, e tanto eu quanto o Claudinho não tivemos no Corinthians. Mas graças a Deus estamos tendo a chance de vir aqui para a Ponte Preta e vamos mostrar o nosso talento”, afirmou Léo Artur durante entrevista coletiva, no CT da Ponte Preta.

Considerado promissor entre os juniores do Parque São Jorge, o meio-campista fez parte da conquista da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2012 com a camisa do Timão. Promovido a equipe profissional na temporada seguinte, foi emprestado à diversos clubes de menor expressão: Guarani, Penapolense, Paysandu, Mogi Mirim, Oeste e Audax.

De volta ao Corinthians em abril deste ano, não encontrou espaço no time do técnico Fábio Carille e seguiu para a Ponte Preta, ao lado do atacante Claudinho. Ambos os jogadores assinaram contratos válidos até 2020 com o clube campineiro, que garantiu a compra de 25% dos direitos econômicos de Léo Artur durante as negociações com o Timão.

“Fui emprestado algumas vezes e por onde passei pude mostrar o meu valor. A última foi no Audax, com o Fernando Diniz (técnico), com quem eu reaprendi a jogar futebol. Deus colocou ele na minha vida e ele me ajudou bastante. Foi bastante gratificante”, completou.

Garantindo estar feliz com um novo começo, Léo Artur ainda exaltou a oportunidade de poder trabalhar ao lado do atacante Emerson Sheik, com quem atuou no Timão. “Eu tive o prazer de trabalhar com o Emerson Sheik no Corinthians. Peguei um pouco de experiência com ele lá e o reencontrei aqui. É sempre bom estar com pessoas mais experientes, que passam coisas novas. Sempre bom absorver isso. Estou preparado e se precisarem de mim no domingo eu estou preparado”, finalizou.

Veja mais em: Mercado da bola e Ex-jogadores do Corinthians.

Veja Mais:

  • Sornoza, à esquerda, deve ser anunciado ainda nesta quarta como reforço do Corinthians

    Sornoza desembarca para fechar com Corinthians e brinca com rival são-paulino

    ver detalhes
  • Corinthians conheceu detalhes de seus primeiros desafios rumo ao tricampeonato estadual

    Corinthians conhece datas e horários das oito rodadas iniciais do Paulistão 2019

    ver detalhes
  • Elenco do Corinthians oscilou muito e chega com "patamares alterados" para 2019

    Do início ao fim: a trajetória do elenco do Corinthians durante o ano e como cada um chega para 2019

    ver detalhes
  • Mantuan será jogador da Ponte Preta em 2019

    Corinthians empresta volante Guilherme Mantuan à Ponte Preta

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes