Pilar da defesa do Corinthians na temporada, Fabián Balbuena completa 26 anos

Pilar da defesa do Corinthians na temporada, Fabián Balbuena completa 26 anos

Balbuena caiu nas graças da torcida como general corinthiano

Balbuena caiu nas graças da torcida como general corinthiano

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Um dos principais nomes da temporada alvinegra, Balbuena caiu de vez nas graças da torcida. Chamado de "El General" pelos torcedores, o paraguaio ganhou confiança com o tempo de clube e hoje já desperta o interesse de clubes europeus. Suspenso e machucado, o defensor, desfalque para o confronto contra a Chapecoense, completa 26 anos nesta quarta-feira.

Como se já não bastasse o grande peso que é jogar no clube alvinegro, Fabián desembarcou no Brasil com uma missão ainda mais complicada. O atual camisa 4 alvinegro foi contratado, em tese, para substituir Gil, um dos maiores nomes do setor na história recente do clube - o zagueiro brasileiro deixou o Timão para se juntar ao Shandong Luneng, no início de 2016.

Leia também:
Paixão por pastel, fuga das aulas e maratona de série: o zagueiro Balbuena fora das quatro linhas
Cássio trata derrota com naturalidade e não acredita em mudança de pensamento no Corinthians
Bom negócio? Torcedores de Corinthians e Atlético-MG repercutem devolução de Clayton

Revelado pelo Cerro Porteño, Balbuena ainda passou por Rubio Ñu, Nacional e, por último, Libertad. Logo que chegou, a confiança tomou conta da torcida, que tem boas lembranças de Gamarra, também paraguaio. Apesar do otimismo, algumas falhas colocavam sua qualidade a prova. Mesmo assim, o sistema ofensivo descaracterizado pela troca de técnicos pareciam pesar no desempenho.

Em 2017, sob o comando de Fábio Carille, o general enfim mostrou, de fato, a que veio. Consistente atrás, de boa saída e muito forte na jogada aérea ofensiva, conquistou de vez a Fiel, que já se preocupa com uma possível negociação - o jogador atraí a atenção do futebol italiano, que já teve propostas negadas pela diretoria alvinegra. O bom momento, aliás, é premiado com as constantes convocações para sua seleção.

Fora de campo, Balbuena também se destaca pela liderança que tem com o elenco. Sua influência com o grupo fica visível nas preleções e com o uso da faixa em grande parte das partidas na temporada. Além disso, longe dos critérios técnicos, agrada a torcida por seu estilo irreverente e sincero. Por tudo isso, é possível afirmar que, por mais difícil que fosse sua missão, ele obteve êxito em substituir um grande nome na história recente do clube.

Veja mais em: Balbuena.

Veja Mais:

  • Com Balbuena e Jô, Timão tenta engatar 5ª vitória consecutiva no Brasileirão

    Com novas motivações, Corinthians encara Flamengo em primeiro teste como heptacampeão

    ver detalhes
  • Antes doo Dérbi, mais de 30 mil corinthianos apoiaram os jogadores alvinegros

    Diretor se anima com chance de mais treinos abertos na Arena: 'Talvez antes do próximo jogo'

    ver detalhes
  • Elias deixou o Corinthians em 2016 e hoje atua pelo Atlético-MG

    Feliz no Atlético-MG, Elias diz que pode retornar ao Corinthians 'mais pra frente'

    ver detalhes
  • Corinthians enfrenta o Flamengo neste domingo, às 17h

    Vitória contra o Flamengo fará Corinthians bater marca de equipe mineira em 2013

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes