De Gustagol a Jô: O que mudou no Corinthians desde o último clássico disputado na Vila Belmiro

De Gustagol a Jô: O que mudou no Corinthians desde o último clássico disputado na Vila Belmiro

Titular em último duelo na Vila, Lucca já não faz parte do elenco corinthiano

Titular em último duelo na Vila, Lucca já não faz parte do elenco corinthiano

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Como o próprio Fábio Carille costuma frisar, a sequência de títulos importantes conquistadas pelo Corinthians nos últimos anos está muito ligada a continuidade. Elencos e treinadores foram mantidos por anos e os frutos foram colhidos por isso. Apesar da sequência de costume, quando há uma temporada abaixo da expectativa, como em 2016, as mudanças são inevitáveis.

Com um time bem definido no decorrer da temporada, o Timão se prepara para enfrentar o Santos, neste domingo, às 16h, na Vila Belmiro. O clube alvinegro não visita o estádio há um ano e chega bem diferente de como estava em seu último desembarque no litoral paulista - Corinthians e Santos se enfrentaram pela última vez na Vila no dia 11 de setembro de 2016.

As alterações começam pelo treinador. Fábio Carille é o comandante da vez para o duelo, enquanto no último compromisso era Cristóvão Borges que estava a beira do gramado. Com técnicos diferentes, é normal que as escalações sejam bem distintas. Dito e feito. Em setembro do ano passado, o Timão entrou em campo com Cássio; Fagner, Vilson, Balbuena, Uendel; Camacho, Giovanni Augusto, Rodriguinho, Lucca, Marlone e Gustavo. Do banco ainda vieram Marquinhos Gabriel, Willians e Romero. De todos os utilizados, cinco já deixaram o clube - Uendel, Lucca, Marlone, Gustavo e Willians.

Leia também:
Clayson afirma que dificuldade em clássico não pode interferir no estilo de jogo do Corinthians
Bastos abre o jogo sobre reserva e revela desejo de se tornar treinador
Fundo da Arena Corinthians fecha trimestre com prejuízo; proposta de banco 'aliviaria' o caixa

Assim como nesta temporada, em 2016 o clássico tinha caráter direto de disputa. Enquanto agora as equipes lutam pela primeira colocação, na oportunidade ocupavam quinto e quarto lugar na tabela. Apesar de ter saído na frente no placar com gol de Marlone, hoje no Atlético Mineiro, o Corinthians sofreu a virada e saiu de campo derrotado por 2 a 1.

Marlone marcou para o Timão na oportunidade; meia deixou o clube no começo de 2017

Marlone marcou para o Timão na oportunidade; meia deixou o clube no começo de 2017

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Um dos principais símbolos da mudança é o ataque alvinegro. Se apostava suas fichas no jovem Gustavo um ano atrás, hoje o Timão conta com o experiente Jô, artilheiro do Campeonato Brasileiro.

Além de saídas e chegadas, alguns nomes dentro do elenco mudaram de patamar e ganharam ou perderam em importância e prestígio. É o caso de Giovanni Augusto e Romero. Enquanto o meia, escalado como segundo homem de meio de campo, estava com moral, o paraguaio amargava o banco de reservas. Hoje os papéis se inverteram e o camisa 17 voltou para o fim da fila enquanto vê Ángel como titular absoluto. Outro exemplo é Vilson, titular no último encontro na Vila e agora última opção - muito pelo tempo que ficou lesionado.

Em momento melhor que o de 2016, o Timão chega para o confronto na esperança de equilibrar ainda mais o retrospecto na Vila Belmiro. Foram 126 duelos até aqui, com 46 vitórias, 29 empates e 51 derrotas do Corinthians - os dados são do Almanaque do Timão.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro, e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Com saída de Adriano, Marquinhos herdou a camisa 10 do Timão na Libertadores 2012

    Campeão em 2011, Marquinhos diz ter celebrado hepta do Corinthians e ensaia retorno

    ver detalhes
  • Golaço de Rodriguinho sobre o Sport entrou em vídeo de emissora italiana

    Canal de esportes da Itália produz vídeo com cinco gols mais belos do hepta do Corinthians

    ver detalhes
  • Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    Kazim tatua taça do Brasileirão com provocação a rivais do Corinthians

    ver detalhes
  • Com bandeirões e muita festa, Fiel incentivou Timão no último treino aberto

    Corinthians abre à torcida último treino antes do jogo da taça

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes