Cinco anos depois, Corinthians recebe parte da venda de Lucas Moura por ser clube formador

Cinco anos depois, Corinthians recebe parte da venda de Lucas Moura por ser clube formador

Por Meu Timão

Meia atuou nas categorias de base do Corinthians por três anos

Meia atuou nas categorias de base do Corinthians por três anos

Foto: Divulgação

Dias antes do duelo entre as equipes, Corinthians e São Paulo acertaram uma pendência existente fora das quatro linhas. Cinco anos depois de vender o meia Lucas Moura, o rival quitou a dívida que tinha com o time alvinegro. Por ser um dos clubes formadores do atleta, o Timão tinha direito a 0,6% do valor pago pelo Paris Saint Germain pela contratação do atleta.

O valor de 264 mil euros (R$ 982 mil) chegou aos cofres do Corinthians depois de ser depositado pelo São Paulo, em agosto, ao PSG, que ficou responsável por fazer o repasse. A conclusão do processo foi confirmada por dirigentes dos dois clubes. A informação é do UOL Esporte.

Leia também:
Visando melhorias no Corinthians, Yamada faz curso para ampliar conhecimentos sobre a base
Diretor do Corinthians detona arbitragem na Argentina: 'Verdadeiros artistas'
Após eliminação, Carille admite que Corinthians 'caiu na pilha' do Racing

Para ter direito a esse montante, o Corinthians teve de comprovar a passagem de Lucas Moura nas categorias de base do clube - o meia permaneceu no Parque São Jorge dos 10 aos 13 anos. Com todos os documentos necessários, o Timão abriu um processo na FIFA e foi contemplado com o mecanismo de solidariedade da entidade.

Se o Corinthians já conseguiu sua fatia, outros interessados seguem em busca de uma parte do negócio milionário. Querendo explicações sobre a divisão do valor, o empresário Wagner Ribeiro já entrou na justiça contra o São Paulo. Assim como Julio Davini, o agente afirma não ter recebido nada pela transferência de Lucas Moura.

Com arestas financeiras aparadas, Corinthians e São Paulo se enfrentam neste domingo, às 11h. Com dez pontos de vantagem para o segundo colocado, o Timão pode, em caso de vitória, manter o rival na zona de rebaixamento e se distanciar ainda mais dos adversários na luta pelo título

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians, Base do Corinthians e Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Semana passada, chapa de Andrés Sanchez havia prometido duas mulheres na diretoria

    Conselheira é vetada da chapa de Andrés Sanchez no Corinthians e alega machismo: 'Fiquei sem chão'

    ver detalhes
  • Presidente vai definir na tarde desta quinta-feira a saída ou não de Flávio Adauto

    Reunião definirá situações de diretores dissidentes; contratações podem ser impactadas

    ver detalhes
  • Dentinho publicou fotos de 'poker alvinegro' nesta quarta-feira

    Dentinho publica fotos de 'poker alvinegro' com ex-goleiro do Corinthians e mesa personalizada

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez vai concorrer à presidência do Corinthians pela segunda vez

    Andrés Sanchez pode perder foro privilegiado se cumprir promessa de campanha no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes