Jô vê Corinthians do primeiro turno no passado e afirma: 'A gente tem que esquecer'

Jô vê Corinthians do primeiro turno no passado e afirma: 'A gente tem que esquecer'

Por Meu Timão

Jô conversou com os jornalistas após o empate com o Grêmio

Jô conversou com os jornalistas após o empate com o Grêmio

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

No dia seguinte ao confronto protagonizado entre Corinthians e Grêmio, na Arena de Itaquera, pelo Campeonato Brasileiro, o empate em 0 a 0 entre as equipes continua repercutindo entre os torcedores. Após o jogo da noite desta quarta-feira, o atacante Jô conversou com os jornalistas na zona mista da casa corinthiana e admitiu a possibilidade do Timão sagrar-se campeão sem o mesmo 'brilho' que possuía no primeiro turno da competição.

"Exatamente, a gente vai ter sempre de fazer jogo seguro. Primeiro turno a gente tem que esquecer. Difícil retomar àquela equipe do primeiro turno. Vai chegando final da temporada, é cansaço, psicológico abalado, vamos tentando nos controlar psicologicamente", afirmou.

"Então vamos fazer jogo seguro, tentando conseguir pontos fora de casa, dentro de casa não perder, tentando vencer. Acho que se for nessa batida aí, a gente vai concretizar o título", disse, em seguida.

O artilheiro alvinegro, que passou em branco no duelo frente aos gaúchos, também aproveitou o bate-papo com a imprensa para comentar a postura mais defensiva que o time comandado por Fábio Carille utilizava no início da temporada, quando não se expunha muito, priorizando o setor defensivo .

Leia também:
Show no rival? Corinthians relembra foto em que Ronaldo e vocalista do U2 posam com camisa do Timão
Balbuena agradece diretoria do Corinthians por tentar antecipar renovação do contrato
Com descontos, Corinthians inicia venda de ingressos para Dérbi na Arena

"Nessa linha que a gente chegou. Talvez no meio do campeonato a gente tentou mudar o jeito, propor mais o jogo, em algumas das vezes deu errado. E nessa altura do campeonato não pode mais haver erros. Então a gente fez um jogo seguro", assegurou.

Mesmo com o resultado diante do atual vice-líder, que rendeu ao Timão um ponto, o camisa 7 deposita confiança no 'jogo seguro', mencionado pelo jogador diversas vezes durante a entrevista.

"Eu tenho certeza que daqui para frente a gente vai manter essa linha. Se defender bem, ser uma equipe que não toma muitos gols, para poder, às vezes, fazer um golzinho, tentar uma vitória fora de casa. Mas, em casa, o mais importante é não perder", finalizou.

É importante ressaltar, ainda, que o time do Parque São Jorge se mantém na liderança do Campeonato Brasileiro com 59 pontos ganhos. São nove pontos a mais que a equipe gaúcha, segunda colocada, e dez a mais que o Santos, que figura a terceira colocação, mas que entra em campo nesta quinta-feira para encarar o Sport, fora de casa.

Veja mais em: e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Jadson foi o nome do jogo neste domingo: anotou dois dos três gols do Corinthians

    Após 'apagões', Jadson brilha, Corinthians goleia São Caetano e vence a primeira no Paulistão

    ver detalhes
  • Jogadores correm pra abraçar Jadson após um dos gols do camisa 10

    Em primeira vitória do Corinthians no ano, Jadson e recém-contratados 'estouram'; Kazim destoa

    ver detalhes
  • Kazim deve ser poupado em jogo da próxima quarta-feira

    Carille 'esquece' clássico, mas indica mudanças no Corinthians para quarta; Kazim deve ser poupado

    ver detalhes
  • Confira os gols da goleada do Corinthians contra o São Caetano

    VÍDEO: Confira os gols da goleada do Corinthians contra o São Caetano

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes