Brasileirão 2017 - Corinthians 0 x 0 Grêmio

Brasileirão 2017 - Corinthians 0 x 0 Grêmio

https://www.meutimao.com.br/jogo/18-10-2017/brasileirao_2017/corinthians-0-x-0-gremio

02:00

2017-10-18T21:45:00

Corinthians Corinthians 0 x 0 Grêmio Grêmio

Brasileirão 2017

Sobre a Partida

Corinthians não cria, apenas empata com Grêmio na Arena, mas mantém vantagem na liderança

Corinthians e Grêmio, líder e vice-líder, disputaram nesta quarta-feira, na Arena, em Itaquera, aquele que para muitos poderia ser chamado de "jogo final" do Campeonato Brasileirão. E ficou só na expectativa... Alvinegros e tricolores exibiram um futebol bastante aquém do esperado, encontrando dificuldade para atacar e empatando em 0 a 0 pela 29ª rodada.

Com o resultado, Corinthians e Grêmio se mantiveram com os mesmos nove pontos de diferença na classificação do Brasileirão. O Timão subiu para 59; os gaúchos, para 50. O Santos joga contra o Sport nesta quinta e pode chegar à marca de 52 pontos, assumindo assim a vice-liderança da competição e "encostando" na equipe do Parque São Jorge.

Leia também: Luciano Huck grava quadro de casamento no intervalo de Corinthians x Grêmio

Vale lembrar que, para esta noite de quarta-feira, o Corinthians contou com o retorno de Gabriel, que havia sido baixa por suspensão nas duas últimas rodadas. Sem o zagueiro Pablo, lesionado, o Timão foi escalado com: Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô.

Em tempo: sempre bom lembrar os desavisados que o Corinthians não entra em campo no próximo fim de semana. A equipe alvinegra foi escalada para a 30ª rodada para a chamada "segunda campeã", visitando o Botafogo às 20h somente no dia 23.

Primeiro tempo

O jogo entre líder e vice-líder do Brasileirão começa truncado, com as equipes encontrando dificuldade para atacar. Ainda assim, é possível afirmar que o Corinthians foi quem se mostrou superior, trocando bons passes, tentando se infiltrar na defesa gremista e ditando o ritmo da partida - mesmo que de forma não muito efetiva.

Os 40.008 torcedores que lotaram as arquibancadas da Arena se empolgaram em alguns raros momentos nos 45 minuto iniciais: Gabriel tentou enfiada para Rodriguinho, por exemplo; Romero tentou jogada individual na grande área, numa outra situação. No fim, nada que levasse perigo real ao gol de Marcelo Grohe.

Com exceção de... Jô! Artilheiro do Corinthians no campeonato e vice-goleador da competição, o camisa 7 recebeu cruzamento açucarado de Jadson, venceu a marcação pelo alto e cabeceou. O lance levou perigo à meta gremista, mas também não fez as redes balançarem.

Para não dizer que Cássio assistiu ao primeiro tempo de camarote, vale citar que nos momentos finais antes da ida dos times aos vestiários o camisa 12 defendeu chute de média distância de Jailson. Nada de muito perigoso, mas sem dúvida a principal oportunidade ofensiva criada pelos gremistas na etapa inicial.

Segundo tempo

O segundo tempo começou de forma semelhante à etapa anterior: Grêmio recuado e Corinthians dominando a posse de bola numa tentativa frustrada de penetrar a defesa adversária. Em diversos momentos, diante de erros de passe e/ou domínio no entorno da grande área dos visitantes, a torcida alvinegra perdeu a paciência. Excessivos toques para trás, recuando potenciais jogadas de ataque, também irritavam a Fiel.

É, Jadson... Que fase!

É, Jadson... Que fase!

Reprodução/TV

Eis que Fábio Carille, numa tentativa de dar mais velocidade ao Corinthians e alternativas pelos lados do campo, tirou Jadson para promover a entrada de Clayson. Pouco depois, mantendo o padrão de sempre das substituições, foi a vez de Marquinhos Gabriel entrar no lugar de Romero.

Foi com Maycon, contudo, que o Timão construiu sua primeira jogada perigosa do segundo tempo. Jô ajeitou com o peito, e o jovem volante arriscou o chute de peito de pé, de fora da área, mandando a bola rente ao travessão de Grohe.

A essa altura, nos 15 minutos finais da partida, qualquer lance de escanteio ou cobrança de falta, de bola espirrada no entorno da grande área gremista... Qualquer possibilidade de chegar ao gol adversário era acompanhada com muita ansiedade pelos torcedores. Em vão...

Não bastasse a falta de criatividade do meio de campo corinthiano, Carille ainda precisou queimar a terceira e última substituição com um problema médico: Gabriel sentiu câimbras e foi trocado por Fellipe Bastos.

E não bastasse a falta de criatividade do Corinthians à frente, o Grêmio ainda quase fez a festa atrás. Já aos 36 minutos, o ex-alvinegro Edílson bateu falta venenosa, surpreendendo Cássio e carimbando o travessão corinthiano.

No fim das contas, um 0 a 0 justo. Nenhuma das equipes fez por merecer sair de campo com os três pontos. Decepção para quem esperava um futebol que honrasse o embate de líder e vice-líder do Brasileirão.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Corinthians 0 x 0 Grêmio

  • 1000 caracteres restantes