Após conquistas e participação na Rio-2016, diretor dissidente é exonerado no Corinthians

1.6 mil visualizações 12 comentários

Por Meu Timão

Oldano Carvalho não é mais diretor do Corinthians

Oldano Carvalho não é mais diretor do Corinthians

Agência Corinthians

O clima eleitoral está deixando o Parque São Jorge em chamas. E não há água de piscina que apague o incêndio. Oldano Carvalho, agora ex-diretor de esportes aquáticos do Corinthians, que o diga!

Conforme relatado por reportagem do portal Globoesporte.com, Oldano Carvalho foi exonerado do cargo de diretor pela gestão de Roberto de Andrade nesta quinta-feira. O motivo teria sido sua dissidência para uma das chapas de oposição.

Oldano, que estava por trás do departamento de esportes aquáticos do Corinthians desde 2007 e ocupava a cadeira de diretor desde 2010, "trocou de bandeira" recentemente e se juntou à chapa "Corinthians Grande", que reúne figurões já conhecidos da política alvinegra e dissidentes da atual chapa de situação "Renovação & Transparência" - Felipe Ezabela é o candidato.

"Apesar dos bons serviços prestados, a diretoria pareceu não concordar com a minha opção por empunhar outra bandeira no processo eleitoral que se aproxima", relatou Oldano, por meio de nota à imprensa.

O presidente Roberto de Andrade, por sua vez, não esclareceu se a saída do então diretor de esportes aquáticos tem ou não relação com a política do clube. O mandatário apenas enalteceu o legado de títulos e atletas revelados deixados por Oldano:

"Nesses anos de trabalho, o departamento conseguiu grandes conquistas elevando o patamar da natação alvinegra levando seis atletas para as Olimpíadas Rio 2016 e agregando nomes de peso da natação internacional, como Thiago Pereira, Poliana Okimoto, Felipe França, Leonardo de Deus e Brandonn Almeida, que é um atleta vindo das categorias inferiores da natação, fruto do trabalho criado pela administração dele", declarou.

Em tempo: além de Ezabela, outros candidatos já confirmados para a eleição presidencial do próximo mês de fevereiro são Antonio Roque Citadini, Romeu Tuma Júnior e Osmar Stábile. Andrés Sanchez deve se lançar candidato da situação.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians e Eleições no Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians e Palmeiras abrem 2021 com clássico no dia 6 de janeiro

    Corinthians conhece detalhes de Dérbi que abre 2021 e de outros três jogos do Brasileirão

    ver detalhes
  • Cássio tira a bola dos pés de adversário na partida contra o Fortaleza

    Fiel elege Cássio e Jô como os melhores do Corinthians contra o Fortaleza; meia é o pior

    ver detalhes
  • Corinthians tenta manter liderança do Brasileirão Sub-20 em duelo com São Paulo

    Corinthians visita São Paulo para manter liderança no Brasileirão Sub-20; saiba tudo

    ver detalhes
  • Fagner em ação na partida contra o Fortaleza, no Castelão

    Corinthians encontra problemas na criação e fica apenas no empate com o Fortaleza

    ver detalhes
  • Mario Boselli continua treinando no CT Joaquim Grava

    Mancini explica ausência de Boselli e deixa no ar possibilidade de ainda utilizá-lo no Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians segue em busca de se consolidar na parte de cima do Brasileirão

    Corinthians ganha posição e se distancia da zona de rebaixamento do Brasileirão; veja tabela

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: