Na reta final, Cássio é ultrapassado em disputa pela Bola de Prata; Corinthians segue 'absoluto'

Na reta final, Cássio é ultrapassado em disputa pela Bola de Prata; Corinthians segue 'absoluto'

Por Meu Timão

4.7 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Cássio foi ultrapassado na reta final do prêmio Bola de Prata

Cássio foi ultrapassado na reta final do prêmio Bola de Prata

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A ressaca do hepta pode custar caro para ao menos um dos titulares do Corinthians na vitoriosa campanha do Brasileirão de 2017. O goleiro Cássio, após a conclusão dos jogos da 36ª rodada, perdeu o posto de melhor goleiro na disputa pelo prêmio Bola de Prata.

De acordo com os critérios adotados pela ESPN Brasil, organizadora da premiação, Vanderlei ultrapassou Cássio nesta reta final da competição - na última rodada, o arqueiro corinthiano levou três gols na derrota para o Flamengo; o santista passou ileso em vitória sobre o Grêmio.

Ainda assim, o Corinthians segue "absoluto" na seleção ideal do Campeonato Brasileiro. Com Fagner, Balbuena e Jô, o Timão é o único clube com três representantes. O Grêmio, vice-líder, aparece justamente em segundo, com dois jogadores (Michel e Luan). Com um atleta cada, ainda aparecem Santos, Coritiba, São Paulo, Cruzeiro e Palmeiras.

Vale ainda destacar que Jô não apenas consta como melhor centroavante do Brasileirão como também melhor jogador. Na premiação Bola de Ouro, o camisa 7 do Timão segue na liderança, à frente de Dudu, Hernanes, Vanderlei e Luan. Chama atenção o fato de Cássio, que outrora liderava tal lista, nem mais aparecer entre os cinco primeiros.

Em tempo: restam ainda duas rodadas para o término do Brasileirão (e definição das premiações Bola de Prata e Bola de Ouro). O Corinthians tem compromissos agendados contra Atlético-MG, na Arena, em Itaquera, e Sport, em Recife.

Seleção Bola de Prata após 36 rodadas

Vanderlei (goleiro, Santos), Fagner (lateral direito, Corinthians), Geromel (zagueiro, Grêmio), Balbuena (zagueiro, Corinthians) e Thiago Carleto (lateral esquerdo, Coritiba); Michel (volante, Grêmio), Hernanes (segundo volante, São Paulo) e Thiago Neves (meia, Cruzeiro); Dudu (segundo atacante, Palmeiras), Luan (segundo atacante, Grêmio) e Jô (centroavante, Corinthians).

Parciais do Bola de Ouro

1º) Jô - Corinthians (6,63)

2º) Dudu - Palmeiras (6,55)

3º) Hernanes - São Paulo (6,45)

4º) Vanderlei - Santos (6,39)

5º) Luan - Grêmio (6,39)

Veja mais em: Cássio, , Fagner, Balbuena e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Pedrinho (à frente) será titular nesta quarta-feira; Jonathas, opção no banco

    Loss define escalação do Corinthians para decisão contra Chapecoense, mas pode ter baixa

    ver detalhes
  • Ricardo Fischer foi o cestinha da partida com 29 pontos anotados

    Corinthians se impõe no Parque São Jorge e vence a primeira no Paulista de basquete

    ver detalhes
  • Daniel Marcos assinou seu primeiro contrato profissional com o Corinthians

    Ex-Palmeiras, lateral-direito de 16 anos assina contrato profissional com o Corinthians

    ver detalhes
  • Fiel aproveitou o tuíte do Atlético-MG para zoar o time de Minas Gerais

    Torcedores corinthianos veem plágio e zoam Atlético-MG em rede social

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes