Arana diz que já assinou com o Sevilla; Corinthians mantém parte dos direitos econômicos

56 mil visualizações 154 comentários Comunicar erro

Arana se despediu após o jogo contra o Atlético-MG

Arana se despediu após o jogo contra o Atlético-MG

Meu Timão / Larissa Lima

Guilherme Arana se despediu do Corinthians na partida contra o Atlético-MG, duelo que marcou a entrega da taça do heptacampeonato brasileiro. Após a partida, o lateral-esquerdo confirmou que já tem tudo acertado para a sua transferência para o Sevilla, onde assinará um contrato de quatro temporadas com o clube da Espanha.

"Eu já assinei, só falta o presidente aqui (Roberto de Andrade) assinar. Já está tudo encaminhado. Sei que Deus tem um grande plano para mim. São quatro anos de contrato. Estou muito feliz em conseguir esse título e dar esse grande passe na minha carreira", afirmou o camisa 13, que se emocionou no gramado ao confirmar o adeus.

Leia também:
Presidente do Corinthians se revolta com a CBF: 'Em casa, o clube é quem manda'
Arana confirma transferência para Europa, mas já levanta bola para retorno

Minutos depois foi a vez do próprio mandatário do Corinthians falar sobre o assunto. Roberto de Andrade confirmou a chance da transferência, mas preferiu não cravar por causa de algumas decisões que serão tomadas durante a semana. O percentual dos direitos econômicos é uma dessas decisões.

O mandatário do Timão garantiu que o clube vai receber mais que o valor dos 40% dos direitos econômicos que possui atualmente do atleta. Além disso, a ideia é manter outro percentual para futuras negociações envolvendo Arana na Europa.

"Estamos aguardando agora essa semana para tratar de parte final. Vamos receber por mais de 40% e ainda vamos carregar um percentual para lá. Ainda falta acertar, mas estamos querendo manter 10%. Ainda falta valores, forma de pagamento, mas não abrimos mão de um percentual (para o futuro)", afirmou Andrade.

"Isso (quanto mais dos direitos econômicos) é que ainda vamos decidir, mas ficaremos com uma parte, sim", garantiu.

É provável que esse percentual seja retirado dos 60% que são do empresário Fernando Garcia.

Veja mais em: Guilherme Arana, Mercado da bola e Roberto de Andrade.

Veja Mais:

  • Marllon deve formar dupla com Bruno Méndez no embate com o Cruzeiro no sábado

    Corinthians se reapresenta, e Carille prepara zaga reserva para jogo contra o Cruzeiro

    ver detalhes
  • Corinthians não conseguiu forçar terceiro jogo final no torneio estadual

    Corinthians perde força nos dois últimos quartos e fica com o vice do Paulista de Basquete

    ver detalhes
  • Jogador tem passagens pela Seleção Brasileira

    Zagueiro com passagem pela Seleção Brasileira diz que sonha em jogar no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcedor foi agredido em frente à sub-sede da Torcida Jovem por passar pelo local com camisa do Corinthians

    Torcedor do Corinthians é agredido por integrantes de organizada do Santos

    ver detalhes
  • Vic Albuquerque durante comemoração do primeiro gol da vitória corinthiana

    Corinthians supera colombianas na Libertadores Feminina e encaminha vaga para próxima fase

    ver detalhes
  • Momento em que Dudu, do Goiás, toca na bola com o braço

    'Zerado' no primeiro semestre, Corinthians chega ao quarto pênalti em 2019; veja curiosidades

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: