Roberto de Andrade aponta efetivação de Fábio Carille como maior feito de sua gestão

2.2 mil visualizações 65 comentários

Por Meu Timão

Roberto de Andrade efetivou Carille em dezembro de 2016

Roberto de Andrade efetivou Carille em dezembro de 2016

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Com três anos de mandatos e três títulos na conta, Roberto de Andrade tem do que se orgulhar de sua passagem pelo Corinthians. Entre erros e acertos, no entanto, uma decisão ficará guardada em sua memória como seu maior feito durante esse período: a efetivação de Fábio Carille no comando técnico alvinegro.

"Acho que sim (foi meu maior feito). Tem uma coisa que talvez eu nunca comentei. Se eu fosse presidente nesses três anos, sem passar pelo futebol, talvez eu não tivesse conhecido o trabalho do Carille e minha decisão não seria essa. Se analisasse só por 2015 e 2016 talvez não tivesse feito (a contratação). Tendo acompanhado como diretor, pude fazer uma análise. Competente, com um bom trânsito no elenco. Era meio caminho andado", relembrou, durante sua coletiva de despedida do Timão, nesta sexta-feira.

"Mas, logicamente, o sucesso total vem com resultado nas competições. Eles vieram e consagramos mais um técnico para o Brasil. Isso é motivo de orgulho para todas as pessoas do Corinthians, não só para mim", completou.

Leia também:
Mandato tampão, Andrés, Gobbi, Roberto: relembre as últimas eleições para presidente do Corinthians
FAQs: saiba tudo sobre a eleição de 2018 do Corinthians

Apesar da alegria pelo legado deixado com Carille, Roberto reconhece que um próximo presidente pode chegar e optar por outro treinador. Nesse sentido, o mandatário alvinegro preferiu não opinar, apenas respeitar a decisão de seu sucessor, que será eleito neste sábado, dia 3.

"O presidente tem total liberdade para fazer as mudanças que achar necessário. O que ele entender que é o melhor trazer, ele faz. Eu não posso achar nada. Como presidente, posso impor o que quero, trabalho com as pessoas com quem quero trabalhar. E temos que respeitar o próximo presidente. Ele pode trocar e errar, trocar e acertar. Não tem problema", finalizou.

Veja mais em: Roberto de Andrade e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Banco BMG deve mudar as cores de seu logo no novo uniforme do Corinthians

    Patrocinador acata pedido da Fiel, mas pede 50 mil novos correntistas para alterar cor de logotipo

    ver detalhes
  • Corinthians ficou no empate por 1 a 1 com o Ituano no último compromisso antes da paralisação

    Governador de São Paulo indica prazo para anunciar retorno do Paulistão; saiba previsão

    ver detalhes
  • VÍDEO: Nova camisa do Corinthians não é só no futebol: olha essa história do Free Fire do Timão

    ver detalhes
  • Manhã foi de trabalhos coletivos no CT Joaquim Grava

    Tiago Nunes comanda trabalhos coletivos em reapresentação do Corinthians após folga; veja fotos

    ver detalhes
  • Gabriel Pereira vem treinando com os profissionais do Corinthians

    Técnico que trouxe Gabriel Pereira ao Corinthians analisa chegada do meia ao profissional

    ver detalhes
  • Elenco trabalha com bola desde a última quarta-feira

    Corinthians inicia segunda semana de trabalhos com bola no CT; relembre como foram primeiros dias

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: