Falta de capricho e melhores escolhas: Gabriel tenta explicar momento do Corinthians

Falta de capricho e melhores escolhas: Gabriel tenta explicar momento do Corinthians

Por Rafaela De Oliveira e Vinícius Souza

1.4 mil visualizações 30 comentários Comunicar erro

Junto aos titulares, Gabriel realizou trabalho regenerativo nesta quinta-feira

Junto aos titulares, Gabriel realizou trabalho regenerativo nesta quinta-feira

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O Corinthians voltou a trabalhar na tarde desta quinta-feira, depois de protagonizar tropeço diante do São Bento, na noite dessa quarta, na Arena de Itaquera. No CT Joaquim Grava, o escolhido para conversar com os jornalistas foi Gabriel, que tentou explicar o que falta ao Timão neste início de temporada.

"É difícil de dizer. Falta um pouco de capricho, de tomar melhores escolhas. Acontece, trocou jogadores. Ainda é um processo de encontrar o melhor time, a melhor formação. Mas tem coisas que têm tempo para serem corrigidas, como o Carille disse, temos agora duas semanas que realmente são decisivas para o início do ano, para dar uma tranquilidade maior, como foi o ano passado". contou.

E o tom cauteloso do volante corinthiano se deve à terceira derrota sofrida pelo time do Parque São Jorge nos sete jogos do Paulista até aqui. O defensor seguiu com as justificativas inevitáveis e não negou o descontentamento pelos maus resultados.

Leia também: Rodriguinho aponta demérito do Corinthians; falta de concentração volta a ser problema

"A equipe vem se encontrando, incomoda muito, sabemos o que está faltando, o capricho, a concentração na hora do passe, de ficar mais com a bola, de sem a posse um ajudar mais o outro, para os resultados voltarem a aparecer e as coisas voltarem ao normal", completou.

Com a derrota por 1 a 0 frente ao adversário de Sorocaba, o Corinthians se mantém com 12 pontos no Grupo A - permanecendo, portanto, na liderança isolada de sua chave. Para Gabriel, titular absoluto sob o comando do técnico Fábio Carille, o futuro é o terreno seguro que o time alvinegro tem de mirar.

"As outras equipes procuram mais ver os nossos jogos e vêm mais atentas contra nós, isso é normal. Temos de ter escolhas para sair disso e tentar reverter. É lógico que duas derrotas consecutivas incomodam, mas o próximo jogo já é na segunda-feira. Hoje está todo mundo aqui trabalhando, focado, e o grupo sempre pensando na próxima partida. É claro que tirando de lição os erros cometidos nesses jogos", finalizou.

Veja mais em: Gabriel, Campeonato Paulista e CT Joaquim Grava.

Veja Mais:

  • Corinthians e Grêmio se enfrentam neste sábado, na Arena em Itaquera

    Saiba aonde assistir ao jogo entre Corinthians e Grêmio pela televisão

    ver detalhes
  • Corinthians encara Grêmio neste sábado

    'Entre céu e inferno', Corinthians recebe Grêmio na despedida do primeiro turno do Brasileirão

    ver detalhes
  • Badauí, do CPM22: 'Sou obrigado a ouvir que sou torcedor de Arena' | #76

    VÍDEO: Badauí, do CPM22: 'Sou obrigado a ouvir que sou torcedor de Arena' | #76

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel deixa Corinthians pouco mais de dois anos após ser contratado

    Marquinhos Gabriel deixa Corinthians como terceiro pior jogador do elenco em 2018; veja ranking

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes