Carille diz ter sido alertado sobre sabotagem e projeta novos treinos fechados no Corinthians

Carille diz ter sido alertado sobre sabotagem e projeta novos treinos fechados no Corinthians

59 mil visualizações 242 comentários Comunicar erro

Carille mostrou-se chateado com a sabotagem da qual teria sido vítima

Carille mostrou-se chateado com a sabotagem da qual teria sido vítima

Foto: Thainá Barros/ Meu Timão

O Corinthians teria sido alvo de sabotagem de alguns profissionais da imprensa que frequentam o CT Joaquim Grava. A revelação foi feita pelo técnico Fábio Carille após a vitória do último sábado por 2 a 0 sobre o Palmeiras, na Arena, em Itaquera, pelo Paulistão.

Durante a entrevista coletiva concedida tradicionalmente após as partidas, o treinador corinthiano foi questionado sobre a estratégia de bloquear o acesso da imprensa ao treino tático da última quinta-feira, quando testou o esquema 4-2-4 que viria a ser utilizado no Dérbi - na ocasião, nem a reportagem do Meu Timão nem de qualquer outro veículo teve acesso ao esboço de escalação da equipe alvinegra. Então, Carille justificou os portões fechados aos jornalistas citando a suposta sabotagem:

"Pensei em fechar o treino todo na quinta (e não apenas a parte tática). Ano passado, amigos de outras equipes vieram falar: 'tomamos um gol que eu sabia que ia acontecer, pessoal da imprensa que acompanha o Corinthians me passou'", alegou o técnico alvinegro.

"Eu não quero fazer essas coisas (fechar treinos), mas há detalhes que quero preservar. Por isso falo da relação de confiança... Foram dois jogos, dois amigos meus", completou.

Visivelmente chateado com a situação, Carille então explicou ter treinado não apenas a formação 4-2-4 mas também o já tradicional 4-2-3-1 na tal atividade de quinta fechada parcialmente à imprensa. A decisão pelo novo esquema tático teria sido tomada somente no próprio sábado, horas antes de a bola rolar para o clássico.

"Eu treinei o 4-2-4 e o 4-2-3-1 com o Jadson aberto lá. Deixei para decidir hoje (sábado) como iniciar o jogo. Por essa relação de confiança que não se estabelece, não por conta de todos, mas de alguns, vou sim fechar 20 minutos de alguns treinos (em 2018)", finalizou, já alertando para prováveis novas atividades com acesso restrito da imprensa.

Veja mais em: Fábio Carille, CT Joaquim Grava, Treino do Corinthians e Dérbi.

Veja Mais:

  • 'Quase herói' contra Cruzeiro, Pedrinho pode ganhar chance como titular diante do Vitória

    Corinthians se reapresenta com reservas e pode ter três mudanças para jogo contra Vitória

    ver detalhes
  • Will Dantas (à dir.) ao lado de Pedrinho, jogador do Corinthians

    Agente volta atrás e nega divergência com Corinthians sobre Pedrinho

    ver detalhes
  • Corinthians terá nove 'finais' no Brasileiro para terminar temporada de forma digna

    Análise: Corinthians demonstra limitações e é vice na Copa do Brasil; equipe liga sinal de alerta

    ver detalhes
  • Corinthians vem de derrota para o Santos no Brasileirão

    Em seu pior turno na história, Corinthians mira nove finais para evitar tragédia no Brasileiro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes