Violento? Criticado, Fagner rebate rótulo: 'Importante é meu caráter'

1.9 mil visualizações 48 comentários

Por Meu Timão

Fagner falou sobre 'estilo durão' dentro das quatro linhas

Fagner falou sobre 'estilo durão' dentro das quatro linhas

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A nova convocação de Fagner, do Corinthians, divulgada pelo técnico Tite na manhã desta segunda-feira, gerou críticas e até reclamações de torcedores rivais e parte da imprensa especializada. Há quem entenda que o lateral-direito do Timão, conhecido pelo estilo de jogo duro, não tem “bola” para estar entre os 25 selecionáveis (veja tweets abaixo). Mas o jogador não anda preocupado com críticas.

Em entrevista coletiva concedida no início da noite desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava, Fagner rebateu o rótulo de violento. O camisa 23 alvinegro, que soma 52 cartões amarelos e três expulsões em 233 jogos pelo clube, falou em caráter e no bom exemplo que precisa transmitir para seus filhos.

“Seria legal se desse para colocar no fundo esses números. Infelizmente a gente vive num mundo em que você é julgado por uma atitude, e não por um contexto geral. Tive duas ou três expulsões em 150 jogos, menos de uma por ano de clube”, rebateu Fagner.

“Infelizmente, tem pessoas que não gostam de você e que vão falar. Mas o importante é meu caráter, que está intacto. É o exemplo que passo para o meu filho. Quem quer falar mal, não posso fazer nada”, completou o lateral-direito.

Leia também:
Revanche do 7 a 1? Vaga na Copa? Desfalcar Corinthians? Fagner fala pós-convocação
Em rede social, Fagner comemora nova convocação para Seleção Brasileira

Outro assunto abordado por Fagner no bate-papo com a imprensa foi a entrada do filho Henrique para a categoria Sub-8 do futsal do Corinthians. Sem esconder o sorriso pelo garoto, ele logo abriu o coração:

“É gratificante ver a paixão do Henrique (filho) pelo futebol, o pai não fica forçando. Tem condição de ir longe, mas vai depender só dele. Espero que consiga conquistar o mundo”, concluiu.

O pequeno Henrique acompanhou a coletiva do pai, Fagner, no Timão

O pequeno Henrique acompanhou a coletiva do pai, Fagner, no Timão

Marco Bello/Meu Timão

Às vésperas da Copa do Mundo na Rússia, Fagner defenderá a Seleção Brasileira nas partidas contra Rússia, no próximo dia 23, em Moscou, e Alemanha, dia 27, em Berlim. Ele será desfalque no segundo confronto das quartas de final do Campeonato Paulista, diante do Bragantino, na Arena, e possivelmente nas semifinais – caso o Timão avance de fase.

Veja tweets de críticos de Fagner

Veja mais em: Fagner.

Veja Mais:

  • Gustavo Mosquito era um dos destaques do Paraná na temporada

    Volta de Gustavo Mosquito ao Corinthians revolta torcedores do Paraná; entenda

    ver detalhes
  • Corinthians realiza último treino no CT antes de encarar o Grêmio neste sábado

    Sem Fagner e Carlos, Corinthians finaliza preparação para duelo com Grêmio; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Ruan Oliveira estreia pelo profissional do Corinthians no primeiro compromisso da equipe pelo Brasileirão de 2020

    Corinthians prorroga empréstimo de meia Ruan Oliveira; jogador ganhará espaço com Tiago Nunes

    ver detalhes
  • Entenda a dor de cabeça de Tiago Nunes no Corinthians

    [Vitor Chicarolli] Entenda a dor de cabeça de Tiago Nunes no Corinthians

    ver detalhes
  • Otero é pretendido pelo Corinthians e pode chegar para concorrer com Mateus Vital

    Otero recebe elogios de Vital, possível concorrente por vaga de titular no Corinthians

    ver detalhes
  • Jadson deixou o Corinthians no início desta temporada e segue sem clube

    Corinthians emite nota oficial em defesa de Jadson e desmente diretor de futebol do Coritiba

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: