Alex recebe proposta de R$ 16 milhões do Catar, e Corinthians dá sinal positivo

Alex recebe proposta de R$ 16 milhões do Catar, e Corinthians dá sinal positivo

Alex comemorando o título ao lado de Sheik

Alex comemorando o título ao lado de Sheik

Alex está muito perto de se tornar o segundo titular a deixar o Corinthians após a conquista da Libertadores. O meia recebeu proposta de um clube do Catar no valor de R$ 16 milhões e pode acertar sua transferência nos próximos dias. O zagueiro Leandro Castán, vendido para a Roma, se despede do clube nesta sexta-feira.

A diretoria de futebol do Corinthians autorizou o representante de Alex a fechar o negócio. Dois fatores pesaram na decisão do clube em negociar o jogador. Um deles foi o valor oferecido - R$ 2 milhões a mais do que o Corinthians havia pago pelo atleta em maio de 2011, quando ele defendia o Spartak de Moscou (Rússia). Portanto, se a transação der certo, Alex deixa o Parque São Jorge valorizado.

O outro motivo foi que, na visão dos dirigentes corintianos, o meia jamais emplacou na equipe como se esperava, apesar de ele fazer parte do time titular e ter ajudado em todos os momentos. Como Alex tem 30 anos e contrato até 2014, vendê-lo neste momento seria a melhor opção. Tudo isso foi pesado.

Pessoas próximas a Alex disseram que essa sondagem do Catar já havia chegado no início do ano, mas que a diretoria tinha vetado qualquer negociação por causa da Libertadores. Agora foi dado o sinal verde. O Corinthians, contudo, não confirma a negociação ainda. Após a vitória por 2 a 0 sobre o Boca Juniors, o diretor adjunto de futebol, Duílio Monteiro Alves, disse à reportagem do estadão.com.br que esse não era o melhor momento para se falar em saída de jogador. Alex, um dos primeiros a deixar o Pacaembu após a conquista inédita da Libertadores, também não quis comentar sobre o assunto.

Nesta sexta-feira, o zagueiro Leandro Castán também vai confirmar seu fim de linha no Corinthians. O jogador vai para a Itália, defender a Roma. Ele foi negociado por R$ 13 milhões. "Conversarei sobre isso na sexta-feira com a diretoria do Corinthians. Agora quero comemorar o título da Libertadores."

Manter o elenco campeão da Libertadores para a sequência do Campeonato Brasileiro e também para a disputa do Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro, no Japão, se transformou na principal dificuldade da diretoria. Mais jogadores podem deixa o elenco em breve, o que obrigará o clube a ir ao mercado em busca de reforços.

REFORÇOS
A saída de Castán pode ser suprida, em tese, pelo melhor aproveitamento do zagueiro Paulo André, que foi titular na campanha do título Brasileiro de 2011. No lugar de Alex, viria um outro meia. Douglas, que seria esse cara, ainda não deu a resposta que Tite esperava dele. A diretoria também está à caça de dois atacantes. Um deles será um centroavante, camisa 9. Ele ocuparia o lugar de Liedson, também de malas prontas.

Fonte: Fábio Hecico e Vítor Marques - estadão.com.br

Veja Mais:

  • Carille abriu o jogo sobre planejamento corinthiano de contratações para 2018

    Damião? Substituto para Arana? Carille abre o jogo sobre contratações do Corinthians

    ver detalhes
  • Zé Rafael, de 24 anos, tem contrato com o Bahia até 2020

    Corinthians reforça interesse em Zé Rafael, mas tem de esperar até 9 de dezembro; entenda

    ver detalhes
  • Romero não jogará contra o Atlético-MG, mas estará na Arena Corinthians

    Mesmo suspenso, Romero tem duas metas para jogo da festa contra o Atlético-MG no domingo

    ver detalhes
  • Carille quer contar com seu reserva imediato em 2018

    Permanência de Walter é desejo de Carille, mas técnico já tem plano B em caso de saída

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes