Corinthians é superado na Arena e decide título da Copa do Brasil Sub-17 fora de casa

45 mil visualizações 83 comentários Comunicar erro

Nesta quarta-feira, o Timãozinho perdeu o Dérbi por 1 a 0

Nesta quarta-feira, o Timãozinho perdeu o Dérbi por 1 a 0

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Corinthians 0 X 1 Palmeiras

Copa do Brasil Sub-17 2017
22 de novembro de 2017, 17:30
Corinthians 0 x 1 Palmeiras
Arena Corinthians

A tarde chuvosa desta quarta-feira não impediu que cerca de 12 mil torcedores comparecessem a mais uma decisão do Sub-17 do Corinthians. Na Arena de Itaquera, o Timãozinho, atual campeão do torneio nacional, enfrentou o arquirrival Palmeiras pela ida da final da Copa do Brasil da categoria, mas acabou derrotado por 1 a 0. Superior na primeira etapa, os corinthianos foram vazados ao final do segundo tempo, gol de Aníbal.

Para o primeiro encontro decisivo, o técnico Marcos Soares mandou a campo uma equipe disposta no tradicional esquema tático 4-2-3-1: Maltos, Luan, Henrique Luro, Ronald (Capitão) e Guilherme Gallegos (Gabriel Gallegos); Du (Adson) e Serginho (Cauã); Welliton (Felipe Carvalho), Vitinho (Lucas Piton) e Lucas Pires; Rafael Mascarenhas (Giovanny).

A finalíssima entre os grupos acontece na próxima quinta-feira, às 17h, em local ainda indefinido. Há a expectativa de que o palco do confronto seja o Pacaembu, Arena Barueri ou Allianz Parque, estádio palmeirense.

Leia também: Dérbi Sub-17 coloca mais de 12 mil na Arena Corinthians numa quarta-feira à tarde

Primeiro tempo

Como era de se esperar, os primeiros instantes do Dérbi foram agitados. Nada de estudo, cautela... O Timãozinho foi para cima e ofereceu perigo pelas duas laterais do gramado. Os meio-campistas Vitinho e Welliton protagonizaram boas jogadas. Aos 14 minutos, os corinthianos ameaçaram novamente e, já dentro da área, o atacante Lucas Pires viu sua investida parar nas mãos do goleiro rival.

É certo dizer que o time da Barra Funda exigiu olhos atentos do arqueiro Maltos em algumas ocasiões, mas os donos da casa seguiram superiores. Aos 30 minutos, Pires se livrou da marcação alviverde e rolou para o atacante Rafael Mascarenhas, que não teve tempo para finalizar.

Meia Du, protagonista de boas jogadas pelo Timãozinho

Meia Du, protagonista de boas jogadas pelo Timãozinho

Rafaela de Oliveira/Meu Timão

Três minutos depois, no que poderia ser o primeiro gol do duelo, Maltos, sozinho frente ao ataque adversário, fez uma defesa incrível, que levantou a Fiel na arquibancada da Arena. No contra-ataque, Vitinho mandou chute venenoso, com direito a tentativa de rebote de Mascarenhas, mas que não encontrou o caminho das redes.

O Palmeiras passou a habitar o setor defensivo da equipe alvinegra com maior frequência, entretanto o zagueiro Ronald, capitão, chegou para afastar. Sem tempo para mais nada, o árbitro Marcio Henrique de Gois encerrou o fim da etapa inicial.

Segundo tempo

Os primeiros movimentos do segundo tempo mostraram a mudança de postura do rival. Em menos de cinco minutos, oportunidades para ambas as equipes já haviam acontecido. Os defensores do Timãozinho passaram a ser mais acionados e Maltos precisou se posicionar bem em lances isolados. O embate seguiu, basicamente, em ataque e contra-ataque.

Já aos 29 minutos, o volante Du recebeu bola livre, mas pecou na hora do passe. A partida sofreu queda de ritmo por conta das constantes alterações de jogadores e, também, devido ao tempo destinado para que os torcedores apagassem os sinalizadores, proibidos no estádio.

Fiel, como sempre, compareceu em grande número à Arena de Itaquera

Fiel, como sempre, compareceu em grande número à Arena de Itaquera

Rafaela de Oliveira/Meu Timão

O atacante Giovanny, recém-chegado ao gramado, teve boa chance pela lateral direita, mas não caprichou na finalização. Na sequência, porém, a equipe alviverde conseguiu recuperar a pelota já dentro da grande área e, com bobeio da zaga, os visitantes inauguraram o marcador.

O Corinthians respondeu com Giovanny, que, em belo chute, viu a bola parar no travessão. E fim de jogo. Ainda houve mais cinco minutos de acréscimo para que os mandantes tentassem alcançar a igualdade - e invasão de campo, é verdade -, mas o resultado do primeiro jogo da final foi decretado com derrota alvinegra. A decisão acontecerá fora de casa.

Veja mais em: Base do Corinthians.

Comente a notícia: