Ameaça de sequestro da mãe abalou Carille antes de final contra Palmeiras

Ameaça de sequestro da mãe abalou Carille antes de final contra Palmeiras

Por Meu Timão

65 mil visualizações 248 comentários Comunicar erro

Carille sofreu susto ao saber de ameaça à mãe momentos antes de Dérbi na Arena

Carille sofreu susto ao saber de ameaça à mãe momentos antes de Dérbi na Arena

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O técnico Fábio Carille, do Corinthians, passou apuros antes do primeiro clássico contra o Palmeiras pelas finais do Campeonato Paulista. Um integrante de uma torcida organizada do rival ameaçou sequestrar a mãe do treinador, a dona Vanda, ao fazer uma palestra motivacional na quadra do grupo antes da decisão. Tudo para que o Palmeiras batesse o Timão e assim conquistasse o título estadual – o que não ocorreu.

Em entrevista à FOX Sports reproduzida neste sábado, Carille falou pela primeira vez sobre o ocorrido. O comandante corinthiano admitiu que a notícia, veiculada em primeira mão pelo Meu Timão, chegou a ele momentos antes do duelo em Itaquera. Como esperado, a ameaça assustou também sua família.

“Passamos um sufoco antes do primeiro jogo contra o Palmeiras, esse vídeo que rolou aí, falando em sequestro da minha mãe. Fui para o primeiro jogo mal, mal, mal. Falaram do vídeo, sequestro da minha mãe. Fui mal”, recordou Carille, emocionado.

Tão logo o vídeo viralizou nas redes sociais, a reportagem entrou em contato com o promotor do Ministério Público Paulo Castilho. O especialista informou que o autor da ameaça era André Guerra, presidente da Mancha Alvi Verde, e prometeu “ver as medidas legais nas esferas cível e criminal” em torno do episódio. Ninguém foi intimado a depor até o momento.

“Foi o que eu falei pros caras ontem, conversando com alguns caras da diretoria do Palmeiras: se nóis (sic) tiver que comprar o juiz, compra. Se tiver que sequestrar a mãe do Carille, sequestra! É sério, não é brincadeira não, truta”.

Assista ao vídeo ao qual Carille se refere

Veja mais em: Dérbi, Torcidas organizadas, Violência no futebol e Fábio Carille.

Veja Mais:

  • Resta apenas o acerto dos jogadores com seus novos clubes para selar o negócio

    Corinthians e Atlético-MG se acertam por troca de atacantes; jogadores aceitam conversar

    ver detalhes
  • Uendel pode acertar retorno para o Corinthians em breve

    Empresário confirma que Corinthians deve acertar retorno de Uendel em janeiro

    ver detalhes
  • Ramiro assinou com o Corinthians nesta quinta-feira e é o quinto reforço para 2019

    Novo reforço do Corinthians, Ramiro se aproxima de Jadson e Luan em estatísticas do Brasileirão

    ver detalhes
  • Corinthians jogou boa parte da temporada sem estampa no espaço principal do uniforme

    Otimismo do Corinthians com patrocínio contrasta com fracasso inédito desde era Kalunga

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes