Romero e Santos se reencontram na Arena Corinthians após 'polêmica do time pequeno'

Romero e Santos se reencontram na Arena Corinthians após 'polêmica do time pequeno'

Por Meu Timão

820 visualizações 24 comentários Comunicar erro

Romero se envolveu em polêmica com o Santos no último clássico entre as equipes

Romero se envolveu em polêmica com o Santos no último clássico entre as equipes

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O Corinthians entra em campo na noite desta quarta-feira, contra o Santos, na Arena, em Itaquera, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro. De acordo com o treino da última terça-feira, Ángel Romero está recuperado de um estiramento e deve reforçar o Timão naquele que será o primeiro reencontro com a equipe da Baixada pós-"polêmica do time pequeno".

A confusão teve início nos instantes que sucederam o último clássico entre Corinthians e Santos, válido pela primeira fase do Campeonato Paulista deste ano. Naquela ocasião, no Pacaembu, os santistas eram mandantes e comemoraram o empate de 1 a 1, conquistado com gol nos minutos finais. Irritado com uma pancada recebida por jogador adversário e espantado com a festa do rival, Ángel Romero declarou: "O cara me deu uma porrada, mas está tudo bem, faz parte do jogo. Olha como estão comemorando. Time pequeno!"

O episódio foi suficiente para Romero ser duramente criticado por parte da imprensa. Dois dias depois, o paraguaio concedeu entrevista coletiva no CT Joaquim Grava para colocar um ponto final na polêmica... E dar início a uma nova discussão: a xenofobia contra paraguaios.

"Eu nunca falei pela grandeza do Santos, nunca disse que Santos não tinha história, como escutei (...) Se a gente empatasse com o Santos na Arena Corinthians, não creio que vamos festejar da mesma forma que eles festejaram. Só disse por esse jogo", argumentou Ángel, antes de partir para o ataque:

"Vi que a maioria dos jornalistas se sentiram ofendidos. Por isso vi que muitos jornalistas são santistas. Mas queria deixar claro que assim como vocês se sentiram ofendidos, eu estou há quatro anos aqui no Brasil, e (...) quando vocês falam da minha nacionalidade, do meu país, de onde eu nasci e da onde minha família é, aí eu não vou permitir", reclamou.

No fim das contas, o que começou como polêmica entre Ángel Romero e o Santos tornou-se uma campanha do Corinthians contra a xenofobia no futebol. A equipe até mesmo entrou em campo em uma partida do Paulistão com uma estampa no uniforme pedindo o fim da discriminação contra estrangeiros no Brasil.

Adversário pequeno ou não, que Ángel Romero e seus companheiros de Corinthians façam um grande jogo diante do Santos nesta quarta-feira. Rumo aos três pontos!

Veja mais em: Romero e Corinthians x Santos.

Veja Mais:

  • Corinthians e Chapecoense voltam a se enfrentar, desta vez pela Copa do Brasil

    TV Globo transmite para dois estados jogo decisivo entre Corinthians e Chapecoense

    ver detalhes
  • Placas publicitárias da Arena Corinthians renderão ao menos R$ 12 milhões por ano

    Corinthians fecha acordo independente de R$ 12 milhões pelas placas publicitárias da Arena

    ver detalhes
  • João Celeri assinou contrato com o Corinthians

    Após desistir de Juninho, Corinthians contrata atacante do Botafogo para Sub-20

    ver detalhes
  • Romero marcou o único gol da partida de ida; Timão tem vantagem mínima por vaga nas semifinais

    Corinthians tenta afastar crise e se classificar às semifinais da Copa do Brasil; saiba tudo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes