Loss fala sobre pressão após mais uma derrota e garante trabalho 'da melhor maneira possível'

Loss fala sobre pressão após mais uma derrota e garante trabalho 'da melhor maneira possível'

Por Meu Timão

2.9 mil visualizações 128 comentários Comunicar erro

Osmar Loss garantiu estar dando o seu melhor no comando do Corinthians

Osmar Loss garantiu estar dando o seu melhor no comando do Corinthians

Rodrigo Coca/Agência Corinthians

O Corinthians perdeu para o Fluminense na noite desta quarta-feira e chegou ao seu quarto jogo sem vitória. Por conta da sequência e do futebol apresentado, o técnico Osmar Loss vem sendo muito pressionado. Questionado sobre a fase que a equipe vive, o comandante ressaltou o desmanche recente e defendeu o seu trabalho.

"Todas as saídas de jogador (no Corinthians) não foram efetivamente vendas feitas pelo clube. Balbuena vai (multa), Rodriguinho tinha o desejo de sair, tudo isso foi bem trabalhado, tanto pela diretoria quanto pela comissão técnica", ressaltou.

"Qualquer treinador que estivesse aqui ia passar (por isso). E eu estou tentando fazer da melhor maneira possível, trazendo o menor prejuízo possível", completou Loss.

Leia também:
Corinthians perde posição no Brasileiro com derrota no Maracanã; veja tabela atualizada
Árbitro mineiro irrita jogadores do Corinthians no Maracanã; torcida reclama nas redes sociais
Gum, do Fluminense, se confunde e agradece VAR após vitória sobre Corinthians

Desde que assumiu o Corinthians, com a saída de Fábio Carille, Osmar Loss comandou a equipe em 21 jogos. Até agora foram oito vitórias, quatro empates e nove derrotas - 44% de aproveitamento. Apesar do desempenho, o treinador foi bancado pelo presidente do clube, Andrés Sanchez, ainda na zona mista do Maracanã.

Questionado por um repórter se pediria demissão caso achasse que não é capaz de reverter o quadro do Corinthians, Loss foi direto e ressaltou o feedback positivo dos jogadores do elenco.

"Essas avaliações devem ser feitas de um modo coletivo. Nós temos uma comissão técnica e uma direção muito atuante. Se eles acharem que os jogadores não respondem ao que a gente tá propondo...o cenário do futebol é resultadista aqui no Brasil. O feedback é sempre positivo, tem pequenos detalhes. As competições que estamos inseridos são competições que estamos extremamente vivos e a gente vai estar fortalecido, como quando a gente foi para Chapecó", finalizou o técnico.

Veja mais em: Osmar Loss.

Veja Mais:

  • Marquinhos Gabriel ainda não definiu qual será o seu destino em 2019

    De volta ao Corinthians, Marquinhos Gabriel desperta interesse de mais três clubes

    ver detalhes
  • Jonathas não é mais jogador do Corinthians

    Corinthians devolve Jonathas ao Hannover e antecipa fim do empréstimo

    ver detalhes
  • Corinthians agora pode perder Romero de graça após o meio do ano

    Livre para firmar pré-contrato, Romero segue com futuro indefinido no Corinthians; relembre situação

    ver detalhes
  • Manoel chegou em São Paulo na tarde desta terça-feira

    Manoel desembarca para assinar e mostra ansiedade em vestir a camisa do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes