Fábio Santos comenta gol e explica por que é 'estranho jogar contra o Corinthians'

61 mil visualizações 122 comentários

Juntos, Fábio Santos e Danilo comemoram inúmeros títulos pelo Corinthians

Juntos, Fábio Santos e Danilo comemoram inúmeros títulos pelo Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Fábio Santos não escondeu que enfrentar o Corinthians diante da Fiel na Arena foi uma sensação bastante estranha. Após a partida realizada na noite deste sábado, o lateral-esquerdo falou sobre a comemoração sem tanto entusiasmo do gol de empate, após cobrança de pênalti.

"Comemorei mas sem querer comemorar (risos). É estranho jogar contra (o Corinthians), vivi os melhores anos da minha vida. Quero parabenizar o clube que é tão especial para mim numa data que é tão especial", afirmou o jogador, lembrando do aniversário de 108 anos, comemorado neste dia 1º de setembro.

Leia também:
Corinthians explica baixas de titulares e de Sheik contra o Atlético-MG
Roger vê pênalti bem marcado contra Corinthians, mas questiona critérios da arbitragem
Vaiado na Arena Corinthians, Loss lembra série de desfalques e pede compreensão

Pelo Corinthians, Fábio Santos atuou 214 jogos, conquistando nada menos do que seis títulos: Brasileiro (2011 e 2015), Paulista (2013), Recopa Sul-Americana (2013), Libertadores (2012) e Mundial de Clubes (2012). Foram 14 gols marcados entre 2011 e 2015, sendo quatro em clássicos.

Títulos esses que foram compartilhados em campo com Danilo, que foi seu rival na noite deste sábado. O meia, que entrou nos minutos finais no lugar de Roger, caiu bastante do lado esquerdo do campo e se confrontou com o ex-companheiro.

Após o jogo, o camisa 20 falou do reencontro com Fábio Santos dentro de campo.

"Bom demais, acho que a história que a gente fez aqui no clube e os títulos que a gente ganhou... No momento bom e no momento ruim ele sempre estava junto, um parceiro que a gente tem, um amigo que a tem gente tem no futebol. Fico feliz de jogar contra ele, é muito válido", afirmou Danilo, que completou:

"Ele comemorou do jeito dele, mas com certeza no cantinho do coração dele tem o Corinthians. Todo jogador é assim também, chega um momento que o jogador sai e com certeza tem um carinho muito grande. E ele não é diferente, o Corinthians faz parte da vida dele por tudo que ele passou aqui", finalizou o meia.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians e Danilo.

Veja Mais:

  • Jacinto Antônio Ribeiro, o "Jaça", conselheiro vitalício do clube, e pivô de conflito com Brazil nas últimas semanas; Márcio Bittencourt, ex-jogador e ex-treinador da base do clube

    Desentendimento na base do Corinthians separa Sub-23 das demais categorias; entenda

    ver detalhes
  • Sylvinho tem 16 jogos no comando do Corinthians, com mais derrotas (seis) do que vitórias (quatro), além de seis empates; saldo de gols também é negativo (12x16) e o aproveitamento é de 37,5%

    Pressão sobre Sylvinho aumenta no Corinthians; dois fatores jogam a favor do treinador

    ver detalhes
  • Renato Augusto fez primeiro treino com os companheiros de equipe nesta segunda-feira

    Corinthians se reapresenta e Renato Augusto faz primeiro treino com elenco no CT Joaquim Grava

    ver detalhes
  • Entre 2016 e 2018, Léo Príncipe esteve presente em 24 partidas no profissional e marcou um gol

    Corinthians faz acordo na Justiça e quitará dívida com Léo Príncipe em 12 parcelas; veja os detalhes

    ver detalhes
  • Bloqueio é referente a valores não pagos à Federação das Associações de Atletas Profissionais

    Corinthians tem quase R$ 2 milhões bloqueados pela Justiça por dívida com programa social

    ver detalhes
  • Giuliano e Renato Augusto estiveram na Neo Química Arena e viram in loco a derrota para o Flamengo, por 3 a 1; dupla ainda não tem condições legal e física para entrar em campo

    Corinthians pode não ter Renato Augusto contra o Santos; Giuliano tem mais chances de atuar

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x