Após derrota, Sheik pede para Corinthians 'fazer diferente' em final da Copa do Brasil

3.3 mil visualizações 51 comentários

Por Thaina Barros e Rodrigo Vessoni

Emerson Sheik foi titular na derrota de 1 a 0 para o Santos, deste sábado

Emerson Sheik foi titular na derrota de 1 a 0 para o Santos, deste sábado

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Emerson Sheik não ficou satisfeito com o desempenho do Corinthians no clássico contra o Santos deste sábado, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Titular na escalação alternativa de Jair Ventura, o atacante indicou que faltou eficiência para a equipe alvinegra contra o rival e que a derrota de 1 a 0 deve ser levada como lição. Para ele, o Timão precisa "fazer diferente" na final da Copa do Brasil desta quarta-feira, contra o Cruzeiro.

"Mais uma vez não fizemos (o gol). Na sequência, eles tiveram a oportunidade deles e fizeram o gol. Sentimos um pouco, eles adiantaram a marcação, começaram a jogar no nosso campo. E tomaram conta do jogo naquele momento. O primeiro tempo terminou com eles sendo superiores, voltamos no segundo com mais posse de bola. Mas faltou talvez o último passe, finalizar mais. O que nós estamos fazendo não está sendo o suficiente. Temos que pensar um pouco mais, melhorar mais e fazer mais também para conseguir as vitórias novamente", analisou Sheik.

Leia também:
Jair não vê Corinthians dominado pelo Santos, mas admite ameaça do Z4
Léo Santos revela desconforto muscular e pedido por saída pensando em final do Corinthians

De fato, o ataque é uma preocupação para o elenco do Corinthians. A equipe não acerta a rede a 381 minutos, e já embalou três derrotas consecutivas neste período. Além do Santos, o grupo de Jair Ventura também foi derrotado pelo Flamengo por 3 a 0, no Brasileirão, e pelo próprio Cruzeiro, com o placar de 1 a 0 no jogo de ida da final da Copa do Brasil.

A finalíssima contra o Cruzeiro acontece às 21h45 (de Brasília) desta quarta-feira, na Arena Corinthians. Por ter perdido o jogo de ida, o Timão precisa de uma vitória por ao menos dois gols de diferença para levar o título - sem a necessidade de pênaltis. Um empate dá a taça para o adversário.

"Na final de 180, os primeiros 90 saímos atrás. Para erguer a taça, precisamos de dois gols. Os jogadores sabem disso, a importância da eficiência na parte ofensiva. É um jogo que é único, não tem mais minutos após esse jogo. Ou seja: é ser eficiente, fazer diferente, porque assim consegue levar o título. Tenho certeza que para esse jogo as coisas vão ser diferentes, a busca pelo gol, que tem importância em uma partida como essa. Vamos focados para o jogo buscando sim, o título", garantiu o camisa 47.

Vale destacar que, o clássico deste sábado, teve um sabor especial para Sheik. Prestes a pendurar as chuteiras, o atacante teve a chance de pisar novamente no Pacaembu, onde liderou o Corinthians na conquista do título inédito da Libertadores da América de 2012. O veterano foi responsável pelos dois gols do Timão na vitória sobre o Boca Juniors, da Argentina.

Segundo ele, a derrota deste final de semana não muda os momentos que teve no estádio. "Não só eu, mas o Corinthians, a história do clube. Os atletas que puderam disputar partidas aqui, partidas importantes, que ficaram para a história. Para quem saiu também, tem boas lembranças. Talvez tenha sido meu último momento aqui, e com certeza a derrota de hoje não apaga toda a história do clube e a minha história aqui dentro do Pacaembu. Deixo o estádio triste hoje, pela derrota, mas com momentos incríveis vividos aqui. Então, o balanço é super positivo", finalizou.

Veja mais em: Emerson Sheik, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

Veja Mais:

  • Três trunfos que Corinthians ganha pra finalíssima e os limites da pressão sobre arbitragem | RMT #7

    VÍDEO: Três trunfos que Corinthians ganha pra finalíssima e os limites da pressão sobre arbitragem | RMT #7

    ver detalhes
  • Cássio é o único titular em campo no treino do Corinthians desta quinta-feira

    Corinthians volta aos trabalhos no CT após empate em Dérbi; veja provável time para decisão

    ver detalhes
  • Protesto acontece após divulgação da escala de arbitragem

    Antes de decisão contra o Corinthians, torcedores do Palmeiras vão à FPF protestar por arbitragem

    ver detalhes
  • Cássio recebe a maior nota dos leitores do Meu Timão após Dérbi sem gols

    Cássio 'se salva' e é o melhor do Corinthians em noite de avaliações ruins; meia é o pior

    ver detalhes
  • Está na hora de falarmos do Luan

    [Marco Bello] Está na hora de falarmos do Luan

    ver detalhes
  • Liga Nacional de Futsal tem início de temporada marcada para 21 de agosto

    Corinthians conhece detalhes de retorno da Liga Nacional de Futsal; veja novidades

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: