Andrés Sanchez rebate Carille e fala em revelar 'o porquê de ele querer ir embora' do Corinthians

Andrés Sanchez rebate Carille e fala em revelar 'o porquê de ele querer ir embora' do Corinthians

Por Meu Timão

57 mil visualizações 331 comentários Comunicar erro

Andrés Sanchez teria disparado contra declaração de Carille

Andrés Sanchez teria disparado contra declaração de Carille

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Indiretamente, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, rebateu nesta segunda-feira a declaração dada mais cedo por Fábio Carille. O treinador havia deixado no ar um desgaste interno que teria pesado em sua decisão de deixar o clube no último mês de maio rumo ao Al-Wehda, da Arábia Saudita.

O posicionamento do mandatário corinthiano se deu por meio do jornalista e apresentador Benjamin Back, dos canais Fox Sports. Durante o programa Fox Sports Rádio desta segunda-feira, ele reproduziu uma fala que Andrés Sanchez lhe teria proferido a respeito da saída de Fábio Carille.

"Peça para ele contar o problema pessoal que ele tinha e por que ele queria ir embora do Corinthians. Se ele continuar a falar isso, eu falo do que se trata, o porquê de ele querer ir embora", teria dito Andrés Sanchez.

O princípio de polêmica se deu após a veiculação de uma entrevista dada por Carille ao portal Uol nesta segunda-feira. O treinador, mesmo sem entrar em detalhes, deixou claro que acontecimentos de bastidores no Timão prejudicavam sua permanência como técnico da equipe.

"Primeiro é preciso explicar uma coisa. Eu precisava. Eu estava em um ponto que eu tinha que sair, não dava mais (...) São coisas que eu nunca vou dividir com ninguém, coisas que estavam acontecendo no Corinthians. Não estava dando para mim. Coisa muito pessoal. Já estava para sair a qualquer momento", desabafou Carille na entrevista.

Posteriormente a entrevista ir ao ar, Carille procurou o UOL para esclarecer as declarações de mais cedo. "Gostaria apenas de deixar claro que a minha saída do Corinthians em nada teve a ver com a minha relação com qualquer profissional do clube. Sempre fui muito querido e cultivo amizade até hoje com todas as pessoas do clube. A minha saída foi em busca de um projeto profissional e pessoal, de conhecimento de outra cultura e até vivência. Reitero que não tenho problema com absolutamente ninguém no clube e sigo torcendo para o sucesso do Corinthians à distância", disse Carille

Bicampeão paulista e campeão brasileiro após quase um ano e meio à frente do Corinthians, Carille aceitou proposta do Al-Wehda na segunda quinzena de maio. Na ocasião, o treinador já minimizava, ao menos no discurso, o aspecto financeiro da mudança de ares.

Veja mais em: Andrés Sanchez, Fábio Carille e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Na segunda partida da temporada, Corinthians de Carille já conheceu o sabor da derrota

    Corinthians marca no início, mas leva virada e sofre primeira derrota no Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Gustagol sobe de cabeça contra zaga do Guarani; camisa 19 é ponto alto do Timão

    Gustagol é eleito craque, e trio de defensores decepciona na primeira derrota do Corinthians em 2019

    ver detalhes
  • Argentino Mauro Boselli já treina com bola e pode estrear no fim de semana

    Carille é cauteloso, mas não descarta estreia de Boselli contra Ponte Preta

    ver detalhes
  • Arana voltou a atuar pelo Sevilla, mas segue na mira do Corinthians

    Duílio garante que rumo das negociações não mudam após Arana voltar a atuar pelo Sevilla

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes