Corinthians nunca perdeu uma semifinal para o Santos; veja retrospecto

Corinthians nunca perdeu uma semifinal para o Santos; veja retrospecto

21 mil visualizações 85 comentários Comunicar erro

Comemoração de Emerson Sheik depois de marcar um golaço no primeiro jogo da semifinal da Libertadores de 2012

Comemoração de Emerson Sheik depois de marcar um golaço no primeiro jogo da semifinal da Libertadores de 2012

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Corinthians e Santos se enfrentam na tarde deste domingo, pelo primeiro jogo da semifinal do Campeonato Paulista, na Arena, em Itaquera. E se depender do retrospecto, a equipe de Fábio Carille já larga na frente no confronto. Isso porque, o Timão nunca foi eliminado pelo rival em uma semifinal.

Apesar de ser o clássico mais antigo no estado, esta será apenas a quinta vez que os clubes se encontram nesta fase de algum torneio. Ao todo, foram quatro classificações corinthianas. Cada uma delas em décadas diferentes.

Mas, você se lembra exatamente quando e como foram esses confrontos? Eles aconteceram no Paulistão em 1987, Brasileiro em 1998, novamente no Estadual em 2001 e por fim, a inesquecível semifinal da Libertadores de 2012. Para facilitar, o Meu Timão listou cada uma dessas partidas.

Campeonato Paulista 1987

O primeiro confronto entre Corinthians e Santos em uma semifinal foi em 1987. O Timão goleou o rival por 5 a 1, no Morumbi, na primeira partida do mata-mata, com gols marcados por Edmar, quatro vezes (quatro!!), e Jorginho. Com a vantagem, um empate sem gols na segunda partida deu a vaga ao alvinegro.

Campeonato Brasileiro 1998

Pelo Brasileirão de 1998, o adversário da semifinal voltou a ser o rival do litoral. Na ocasião, a vaga para a fase seguinte era disputada em melhor de três jogos. No primeiro encontro, vitória do Santos por 2 a 1, na Vila Belmiro. No segundo jogo, Marcelinho Carioca e Edílson fizeram os gols que deram a vitória (2 a 0) ao Timão, realizado no Pacaembu. Por ter melhor campanha na primeira fase, o empate de 1 a 1 na terceira partida, no mesmo Pacaembu, classificou o Corinthians para a decisão.

Campeonato Paulista 2001

Este duelo foi inesquecível. Mais uma vez pelo Estadual, as equipes voltaram a se enfrentar em uma semifinal. Depois de empatar por 1 a 1 no primeiro jogo desta fase, o Corinthians garantiu uma vaga na decisão do torneio na partida de volta. No Morumbi, o Santos havia saído na frente, mas logo Marcelinho Carioca empatou. Por sinal, o empate dava a vaga para o rival. Mas, já nos acréscimos, Ricardinho bateu de fora da área, no canto do goleiro adversário, para marcar o gol da virada e confirmar a classificação alvinegra.

O jogo também ficou marcado pelo suposto ponto no ouvido de Ricardinho, onde o meia se comunicava com o treinador Luxemburgo de dentro do campo.

Libertadores 2012

E para finalizar, quem não se lembra do último encontro entre as duas equipes em uma semifinal? Isso mesmo, foi na histórica campanha da Libertadores de 2012. No primeiro jogo, na Vila Belmiro, o Corinthians venceu com um golaço de Emerson Sheik. Já na volta, Neymar abriu o placar no fim do primeiro tempo, mas logo no início da etapa final, Danilo tratou de colocar a bola o fundo das redes. O empate por 1 a 1 colocou a equipe comandada por Tite na final da Libertadores.

Comemoração do gol de Danilo contra o Santos

Comemoração do gol de Danilo contra o Santos

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Veja mais em: Corinthians x Santos.

Veja Mais:

  • Jogadores do Corinthians voltaram aos trabalhos nesta segunda-feira

    Corinthians se reapresenta com ausências; veja quem não treinou em campo após a folga

    ver detalhes
  • Caio Campos, superintendente de marketing do Corinthians, falou ao Meu Timão

    Líder do marketing do Corinthians fala da saída de Rosenberg, das camisas 1 e 2 e detalha a 3

    ver detalhes
  • Em alta, Avelar admite que já assinou pré-contrato com o Timão

    Danilo Avelar assina pré-contrato e confirma acerto com Corinthians: 'Falta a parte burocrática'

    ver detalhes
  • Walmir Cruz reforçou a importância do período de descanso para sequência da temporada

    Preparador físico reforça importância de folga e aprova condição dos atletas na reapresentação

    ver detalhes

Comente a notícia: