Corinthians x São Paulo

Pelo Campeonato Paulista, o Corinthians vai empatando contra o São Paulo

Acompanhe ao vivo

Corinthians perde a primeira do Flamengo e sai atrás nas quartas de final do NBB

Corinthians perde a primeira do Flamengo e sai atrás nas quartas de final do NBB

4.5 mil visualizações 74 comentários Comunicar erro

O Corinthians perdeu para o Flamengo no início das quartas de final do NBB

O Corinthians perdeu para o Flamengo no início das quartas de final do NBB

Beto MillerAg. Corinthians

O Corinthians enfrentou o Flamengo na tarde deste sábado no Ginásio Wlamir Marques, em partida válida pelas quartas de final do Novo Basquete Brasil, e perdeu pelo placar de 92 a 73.

O Corinthians, do técnico Bruno Savignani, repetiu a escalação inicial que venceu a última partida e entrou em quadra com Fuller, Teichmann, Giovannoni, Humberto e Parodi. O Flamengo, por sua vez, estava escalado por Gustavo De Conti com Balbi, Deryk, Marquinhos, Olivinha e Anderson Varejão.

Mesmo com o resultado elástico, o Corinthians esteve vivo na partida durante a maior parte do tempo. Com um bom início e vencendo o primeiro quarto, foi somente no último quarto que o Flamengo conseguiu se distanciar no placar e abrir a vantagem na série melhor de cinco.

Com a derrota inicial, o Corinthians precisa vencer pelo menos uma das duas próximas partidas, no Rio de Janeiro, para se manter vivo na competição e trazer a série de volta para São Paulo. Como é um confronto melhor de cinco, caso haja a necessidade, o quarto jogo acontece novamente no Parque São Jorge, enquanto o último volta para o Rio.

A equipe alvinegra chegou até as quartas de final após vencer o Brasília no mata-mata anterior. Dono da sétima melhor campanha, o Timão fica atrás do Flamengo, que terminou a primeira fase na segunda colocação, e por isso tem a vantagem no mando de quadra, podendo disputar possíveis três partidas em casa. Para a primeira delas, o time carioca fez valer o investimento e conseguiu buscar a vitória fora de casa.

Como foi o jogo

Primeiro quarto

O jogo começou com Varejão conquistando a primeira posse de bola para o Flamengo. Logo no início, Olivinha recebeu na entrada do garrafão e girou para a cesta, conseguindo cavar uma falta e convertendo os dois primeiros lances livres. Na sequência, erro de Giovannoni e nova falta sofrida pelo número 16 do Flamengo, que converteu as três cobranças, abrindo uma vantagem de cinco pontos no início do jogo para o time carioca.

Na tentativa da reação, Parodi errou outro arremesso, mas Teichmann pegou um importante rebote ofensivo e passou para Humberto diminuir a vantagem. Na sequência, roubada de bola de Fuller, que partiu em contra ataque e rapidamente para três pontos para empatar a partida.

Olivinha até colocou o Flamengo novamente na frente, mas o Corinthians conseguiu crescer no quarto e criou uma bela vantagem. Após excelentes posses defensivas, o Timão conseguiu segurar o ataque do Flamengo sucessivas vezes e foi efetivo no ataque. Primeiro Giovannoni, depois Fuller em uma bola de três seguida da outra, e Parodi arremessando por cima do marcador. Com quatro minutos restantes, o Timão estava na frente, vencendo por 15 a 8.

A equipe carioca tentou se recuperar no quarto, e até conseguiu diminuir a vantagem, mas o Timão, embalado pela torcida, conseguiu se manter na frente e fechou o primeiro período vencendo pelo placar de 22 a 20. Grande destaque para Fuller, com 75% de aproveitamento nas bolas de três e 11 pontos no total.

Segundo quarto

As duas equipes voltaram com mudanças na escalação. Com um elenco mais completo, o Flamengo se viu obrigado a reagir na segunda etapa. No início, conseguiu segurar três posses ofensivas seguidas do Corinthians e chegou a virar o placar, com duas cestas consecutivas de Nesbitt, sendo uma delas de três pontos.

Ainda sem pontuar, o Timão sofreu nova bola de três pontos, vendo o Flamengo liderar por 28 a 22 e o técnico Savignani se viu obrigado a parar a partida. Os primeiros pontos do quarto vieram após o tempo, com Giovannoni diminuindo a diferença para quatro pontos.

Ainda sem efetivamente parar a equipe adversária na defesa, o Corinthians seguiu tentando reagir no decorrer do quarto, e viu o rendimento do time aumentar com as participações de Aguiar, Shilton e Parodi. O último, que inclusive, deu grande assistência e acertou um arremesso de três pontos em jogadas consecutivas.

Oito pontos atrás no placar, o Corinthians precisava reagir antes do intervalo, e conseguiu. Primeiro com Parodi acertando novamente outra bola de três pontos e, na sequência, após rebote defensivo, Fuller invadiu o garrafão, fez a cesta e sofreu a falta, anotando mais três pontos para o Timão no quarto. No final, intervalo de partida com o placar de 42 a 40 para o Flamengo. Destaque para Parodi, com seis pontos e uma assistência no quarto.

Terceiro quarto

Com a necessidade de virar a partida, o Corinthians iniciou o quarto parando o ataque do Flamengo na primeira posse e empatando o jogo logo na sequência. Mesmo assim, a equipe se desconcentrou depois de uma falta não dada pela arbitragem e começou a cometer erro atrás de erro. O Flamengo, que não tem nada a ver com isso, continuou convertendo seus arremessos e abriu uma vantagem de onze pontos no placar logo no início.

“Eu não reclamei de falta, eu falei ‘vamos’ para o meu companheiro. E aí?”, dizia Giovannoni ao juiz depois de receber uma falta técnica por reclamação.

O Timão só voltou a anotar um ponto no terceiro quarto depois de quatro minutos, com linda enterrada de Teichmann após invadir o garrafão. Parecia ser o necessário para mudar o clima da partida. Com boas posses ofensivas, Fuller e Parodi diminuíram a diferença para quatro pontos e incendiaram o Parque São Jorge.

Podendo diminuir a diferença para dois pontos, Abner recebeu a bola sozinho no garrafão e errou o arremesso. Vendo o Flamengo crescer novamente, Fuller chamou a responsabilidade, recebeu a bola no canto da quadra e anotou mais uma cesta de três pontos, mantendo o Timão vivo no jogo. No final, a equipe carioca ainda estava na frente, vencendo por 65 a 59.

Último quarto

Seis pontos atrás no placar, o Corinthians precisava se recuperar no último quarto para vencer a primeira partida da série. O início, no entanto, foi novamente positivo para o Flamengo, que já viu Deryk anotar uma cesta de três pontos e Jhonatan enterrar a bola na cesta corinthiana. Com oito minutos restantes, o Timão teve a sua pior desvantagem no jogo e estava 13 pontos atrás no placar.

Nitidamente abalado com o resultado, o Corinthians já não conseguia mais reagir e estava 19 pontos atrás do placar com seis minutos restantes, e ainda viu mais um possível problema. Giovannoni foi brigar por um rebote ofensivo e, na dividida com o adversário, sofreu um toque no tornozelo e ficou caído no chão com muitas dores. Ele saiu do jogo e foi atendido na beirada da quadra.

Os últimos cinco minutos foram de mera formalidade, com o Flamengo administrando a vantagem e o Corinthians tentando diminuir o prejuízo. Mesmo assim, a torcida seguia apoiando a equipe no Parque São Jorge e agora precisará torcer por bons resultados fora de casa.

Pontuações nos quartos

  • 1º Quarto: Corinthians 22 x 20 Flamengo
  • 2º Quarto: Corinthians 18 x 22 Flamengo
  • 3º Quarto: Corinthians 19 x 23 Flamengo
  • 4º Quarto: Corinthians 14 x 27 Flamengo
  • Resultado final: Corinthians 73 x 92 Flamengo

Destaques

  • Fuller, com 25 pontos, três rebotes e três assistências
  • Parodi, com 16 pontos, três rebotes e quatro assistências
  • Teichmann, com quatro pontos e dez rebotes

Veja mais em: Basquete.

Veja Mais:

  • Corinthians recebe o São Paulo pela final do Paulistão

    Corinthians recebe São Paulo em busca do título do Paulistão; acompanhe em tempo real

    ver detalhes
  • Mosaico da final foi o 16º da história da Arena

    Mosaico, balões e bandeiras: Arena Corinthians recebe bonita festa antes de finalíssima do Paulista

    ver detalhes
  • Danilo Avelar volta ao time titular depois de dois jogos fora

    Com quatro mudanças, Corinthians confirma escalação para final contra o São Paulo

    ver detalhes
  • Seja lá de onde você vem ou no que você acredita, seja Corinthians

    [Sarah Tonon] Seja lá de onde você vem ou no que você acredita, seja Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes