Em busca de título inédito com o Corinthians, Ralf fala sobre conquistas e idolatria

2.1 mil visualizações 22 comentários

Por Meu Timão

Ralf se destaca cada vez mais rumo à idolatria com a camisa do Corinthians

Ralf se destaca cada vez mais rumo à idolatria com a camisa do Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Ralf não estará em campo nesta quinta-feira no jogo entre Corinthians e Montevideo Wanderers, pela Copa Sul-Americana, por conta de uma lesão sofrida na semana passada. Mesmo assim, o volante estará de olho e na torcida para que o Timão se classifique e siga a caminhada rumo ao seu nono título com a camisa alvinegra.

“Como a gente tem conversado entre nós nos bastidores, a gente sabe que é o meio mais próximo, mais rápido de chegar na Libertadores, não que o Brasileiro esteja distante mas a gente sabe que a Sul-Americana é muito mais rápida, então a gente tem que fazer grandes jogos, grandes exibições, para a gente ir passando, jogo por jogo, para depois pensar até no título”, disse o volante em entrevista ao DAZN, que irá transmitir a partida desta quinta.

Leia também: Com dúvidas sobre a categoria, torcedor cria petição para acabar com o Sub-23 do Corinthians

O volante também comentou sobre os nomes que o inspiram a jogar futebol, citando o atual volante titular da Seleção Brasileira, além de um corinthiano campeão do mundo em 2002.

“Hoje eu admiro muito o Casemiro, mas por ser corinthiano admiro de outras épocas um cara que defendeu com unhas e dentes aqui que foi o Vampeta. É um cara que me representa muito bem, que é da minha posição”, completou Ralf, que ainda disse que fará a famosa cambalhota do Vampeta em caso de título da Sul-Americana: “Se Deus quiser, se nós conquistarmos esse título, está fechado".

Para finalizar, o volante esqueceu um pouco do jogo desta quinta-feira e comentou sobre a importância do futebol na sua vida, apontado como uma verdadeira salvação em um garoto com poucas condições econômicas na infância.

“Por ter vindo de uma classe baixa, como a gente sempre fala, hoje em dia é muito fácil se envolver com coisas ruins, então só de não ter me envolvido eu já agradeço a Deus, a minha família por ter me dado todo esse suporte. Tudo o que eu devo é através do Corinthians e do futebol porque me manteve cada vez mais longe dessas coisas, e a gente tem sobrinhos, familiares, então a gente sabe que é difícil no mundo que a gente vive hoje, então fico muito honrado por ter conquistado tudo através daqui”, disse o volante.

Corinthians e Montevideo Wanderers se enfrentam a partir das 21h30 desta quinta-feira, na Arena Corinthians. A expectativa é de que Fábio Carille repita o time que enfrentou o Flamengo no último domingo, com Gabriel assumindo a vaga de Ralf no meio campo.

Veja mais em: Ralf e Copa Sul-Americana.

Veja Mais:

  • Mancini elogiou a atuação de Mantuan na última quarta-feira

    Vagner Mancini define Mantuan como joia do Corinthians e afirma: 'Vai nos ajudar muito'

    ver detalhes
  • Cauê marca contra o Santos e coloca o Corinthians na liderança do Brasileirão Sub-20

    Promessa do Corinthians comenta bastidores de experiência no profissional e destaca força do Sub-20

    ver detalhes
  • Mantuan abriu o placar em noite de mais uma vitória emocionante do Corinthians

    Corinthians bate o Vasco com mais um gol de 'talismã' Everaldo nos minutos finais

    ver detalhes
  • Mantuan marca o primeiro gol do Corinthians na partida contra o Vasco

    Mantuan é eleito o melhor em campo na vitória do Corinthians; volantes são os piores

    ver detalhes
  • Everaldo marcou o gol da vitória alvinegra no Rio de Janeiro

    'Cristiano Everaldo', Mancinismo e Cazares em alta: Fiel repercute vitória do Corinthians

    ver detalhes
  • Mancini chegou a sua segunda vitória pelo Corinthians

    Queda no segundo tempo, Everaldo bem e recuperação pós-goleada: Mancini comenta vitória do Timão

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: