Clayson revela origem e ponto final do desentendimento com Felipe Melo

Clayson revela origem e ponto final do desentendimento com Felipe Melo

Por Meu Timão

4.7 mil visualizações 38 comentários Comunicar erro

Clayson e Felipe Melo protagonizaram confusão nas finais do Paulistão-2018

Clayson e Felipe Melo protagonizaram confusão nas finais do Paulistão-2018

Reprodução/Premiere

Corinthians e Palmeiras por si só já remete a uma das maiores rivalidades do futebol mundial. Quando dois jogadores arquirrivais também carregam para o gramado entreveros particulares, é quase certo que a rivalidade ganhará contornos de briga e confusão. Foi assim ao longo de pouco mais de dois anos entre Clayson e Felipe Melo.

Leia também:
Florida Cup pode ter primeiro duelo entre Corinthians e Palmeiras fora do Brasil
Torcedor detido na Arena Corinthians detalha agressões e humilhações após manifesto contra Bolsonaro

Em entrevista concedida ao canal Desimpedidos, do YouTube, e publicada nesta sexta-feira, o corinthiano Clayson foi convidado a falar sobre a troca de tapas protagonizada pelos jogadores no jogo de ida das finais do Campeonato Paulista do ano passado. Na ocasião, tanto o atleta do Timão quanto o do Palmeiras foram expulsos.

"Aquela briga foi nem a gente que começou. Foi um enrosco do Dudu com o Fagner. Aí chegamos num bolo para separar", contou, se referindo à partida da Arena Corinthians.

"E a gente não se entendia desde a época da Ponte (Preta), nas (semi)finais do Paulistão de 2017, quando tiramos o Palmeiras. Daí chegamos no meio, meteu a mão no meu pescoço, eu empurrei. Nem conseguimos bater boca, já começou a se xingar, tumultuou ali, foram os dois expulsos. Descemos para o túnel, nos xingamos, mas tinha muito segurança, já abafou o caso", acrescentou Clayson, revelando assim a origem do desentendimento com Felipe Melo.

Clayson então foi questionado mais especificamente sobre como começou a discutir com Felipe Melo nos tempos de Ponte Preta. Na ocasião, a equipe de Campinas aplicou 3 a 0 para cima do Palmeiras e encaminhou ali sua vaga na final daquele Estadual.

"Ele gosta de intimidar, fala e tal. Na época da Ponte, ele acabou xingando, eu xinguei ele, começamos a nos estranhar. E daí eles perderam o jogo lá de 3 a 0. Ele ficou bem nervoso, daí comecei a pedalar, passar o pé na bola, meu jogo. Ele ficou bravo, começou a me ameaçar. Eu falei que não tinha medo, que podia vir. Aí xinguei ele, claro, também", contou.

Frente a frente mais recentemente no Dérbi do início do mês, disputado também em Itaquera, mas pelo Campeonato Brasileiro, Clayson revelou ali ter sido procurado por Felipe Melo para que os dois dessem uma trégua no climão que já durava mais de dois anos.

"Já trombei com ele lá no doping, deixamos meio apaziguado, meio por cima. Deixamos suave, esse último jogo foi mais tranquilo. Ele chegou, veio me cumprimentar, falou 'bom, vamos deixar esse negócio para lá, jogar futebol, cada um defende o seu clube, e já era'", comentou o atacante do Timão.

Questionado se acha Felipe Melo desleal pela forma como trata os adversários dentro de campo - não à toa é marcado por expulsões e lances agressivos -, Clayson evitou entrar em polêmica: "Ele é um jogador que joga firme. Em alguns lances, não sei se por vontade própria, acaba sendo desleal até pela força de vontade dele. Mas creio que não seja de propósito, mais por excesso de força", descreveu o corinthiano.

Veja mais em: Dérbi e Clayson.

Veja Mais:

  • Manoel e Avelar no treinamento dessa segunda-feira no CT Joaquim Grava

    Danilo Avelar e Manoel voltam, e Corinthians deve ir a campo com força máxima na Sul-Americana

    ver detalhes
  • Zagueiro Marllon vira opção para Carille no torneio continental

    Corinthians inscreve Marllon na Copa Sul-Americana e preenche lacuna na zaga para as semifinais

    ver detalhes
  • Daniel Alves estava no PSG antes de acertar com o São Paulo

    Edílson revela que Daniel Alves tentou acordo com Corinthians antes de assinar com rival

    ver detalhes
  • Jogos do torneio continental têm transmissão exclusiva na internet

    Com exclusividade mantida, semifinal da Copa Sul-Americana terá apenas VT na televisão

    ver detalhes

Comente a notícia: