Diretor do Timão explica sondagens por três jogadores e deixa em aberto 'reforço de peso' para 2020

53 mil visualizações 481 comentários

Por Vitor Chicarolli, Rodrigo Vessoni e Tomas Rosolino

Duílio analisou o desempenho corinthiano durante a atual temporada

Duílio analisou o desempenho corinthiano durante a atual temporada

Danilo Fernandes/ Meu Timão

Em mais uma atuação ruim, o Corinthians ficou apenas no empate por 2 a 2 com o Athletico Paranaense nesta quinta-feira, na Arena, em Itaquera, pelo Campeonato Brasileiro. Após a partida, o técnico Fábio Carille admitiu que o clube alvinegro buscou a contratação do meia Rodriguinho e dos atacantes Roger Guedes e Gabigol.

Questionado sobre a situação, Duílio Monteiro Alves, diretor de futebol do Corinthians, admitiu o interesse pelo trio no inicio da temporada e explicou o que faltou para o Timão concretizar as três negociações.

"Curto e grosso, dinheiro. O presidente já colocou isso uma vez. Em relação ao Gabigol, conversamos, tinha opção, mas os valores oferecidos pelo outro clube foram muito altos e o Corinthians entendeu que não era possível. Faltou dinheiro. O Rodriguinho não teve nada. Treinador gosta, a gente gosta, mas ele foi comprado pelo Cruzeiro e o Corinthians nem entrou nessa briga. Em nenhum momento entramos nessa briga por causa desse investimento no passe", disse.

"No caso do Gabriel era empréstimo e o Roger Guedes na China, ganhando o que ganha, é impossível trazer, apesar de termos tentado. A gente tem um grupo de jogadores que a gente confia. No início do ano fomos campeões, não jogando um bom futebol, mas o resultado veio", completou.

Leia também:
Fiel elege Boselli como melhor em campo pelo segundo jogo seguido e Carille beira nota zero
Corinthians supera argentinos e se classifica na liderança do grupo na Sul-Americana de Basquete
Boselli concorda com substituição, fala sobre relação com Carille e justifica sinceridade

O diretor corinthiano analisou o desempenho da equipe comandada por Carille em 2019. Até o momento, o Timão conquistou o Campeonato Paulista, foi eliminado na semifinal da Copa Sul-Americana e briga pelo G4 do Brasileirão. Duílio ainda deixou em aberto a possibilidade de um "reforço de peso" para a próxima temporada.

"Na Sul-Americana fizemos um bom campeonato. Temos jogadores de qualidade, chegaram muito esse ano, todos que o treinador pediu. A gente infelizmente ainda não está pronto, mas sabemos que depende de tempo. Para o ano que vem, já estamos trabalhando para reforçar ainda mais, como sempre", analisou.

"Não sei em termos de nome. Entendo que nosso grupo tem jogadores que resolvem, mas que não passam por bom momento, mas que já resolveram tanto aqui quanto em outro clube. Boselli, Vagner Love, sempre foram decisivos. Se pudermos trazer um jogador de peso, sem fazer loucura, a gente vai trazer", finalizou.

Veja mais em: Duílio Monteiro Alves.

Veja Mais:

  • Gustavo Silva e Vital comemorando o segundo gol do Corinthians contra o Sport

    Corinthians domina, vence Sport e volta a se aproximar do G6 no Brasileirão

    ver detalhes
  • Mateus Vital marcou o segundo gol do Corinthians, na Neo Química Arena

    Vital se destaca e é o melhor em campo do Corinthians contra Sport; reserva é o pior

    ver detalhes
  • Elenco comemora gol de Gustavo Silva sobre o Sport, pelo Brasileirão, na Neo Química Arena

    Fiel destaca atuação de trio do Corinthians e volta a falar em classificação para Libertadores; veja

    ver detalhes
  • Vagner Mancini valorizou a recuperação do Corinthians diante do Sport

    Mancini analisa vitória segura do Corinthians e afirma: 'Mudamos de objetivo no Brasileiro'

    ver detalhes
  • Mancini deve ter Otero à disposição na próxima segunda-feira

    Recuperado do coronavírus, Otero volta a ficar à disposição do Corinthians nesta sexta-feira

    ver detalhes
  • Quando todos nos tornamos 'torcedores de sofá'

    [Ana Paula Araújo] Quando todos nos tornamos 'torcedores de sofá'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: