Sidcley assume falta de ritmo de jogo e fala sobre titularidade no Corinthians

4.7 mil visualizações 54 comentários Comunicar erro

Por Giovana Duarte e Tomás Rosolino

Sidcley foi titular na lateral-esquerda em clássico contra o Santos, neste domingo

Sidcley foi titular na lateral-esquerda em clássico contra o Santos, neste domingo

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians voltou a vencer no Campeonato Paulista neste domingo. O Timão bateu o Santos por 2 a 0, na Arena Corinthians, com gols de Everaldo e Janderson. Assim como na último jogo, contra a Ponte Preta, Tiago Nunes manteve Sidcley no lugar de Lucas Piton. Ao final da partida, o lateral de 26 anos comentou o retorno aos gramados e sobre ter perdido uma chance importante de marcar gol.

"Eu estou muito feliz. Muito tempo sem jogar e voltar a atuar, eu to muito feliz por causa disso. Eu estou bem (fisicamente), mas estou um pouco sem ritmo de jogo. Muito tempo sem jogar. Mas com pouco tempo de trabalho, eu estou pegando esse ritmo para conseguir jogar os 90 minutos sem parar", disse o lateral.

"O gol perdido não pode perder. Eu perdi, claramente. Mas futebol é assim. Só perde quem tá lá na hora, e eu to muito feliz porque eu estava lá no momento, mas não consegui concluir o gol. Mas a hora que eu roubei a bola e consegui dar sequência ao lance, eu fiquei muito feliz. O time tá bem e determinado para fazer o gol", completou.

Leia também:
Parte da torcida do Corinthians na Arena não viu nenhum dos gols do clássico; entenda
Camacho deixa campo com dores no quadril e será reavaliado pelo Corinthians; treinador comenta
Correção de erros, evolução e primeiro clássico: Tiago Nunes faz balanço de vitória do Corinthians

O lateral também foi questionado sobre o titular na quarta-feira, em partida decisiva pela Libertadores. Momentos antes, em coletiva, Tiago Nunes confirmou Sidcley como titular do Corinthians. O atleta aproveitou para ressaltar o espírito de equipe e disse que, tanto ele, quanto Lucas Piton, estão bem preparados para jogar os 90 minutos de jogo.

"Não, o Corinthians é uma equipe. O treinador sabe quem vai escalar. Nós estamos tranquilos com isso porque nós dois estamos bem fisicamente para jogar os 90 minutos. O Corinthians é desse jeito. Trabalho e força de vontade, ninguém falta", finalizou Sidcley.

O Corinthians entra em campo na próxima quarta-feira, às 21h30, contra o Guaraní-PAR, em partida válida pela fase preliminar da Libertadores. Pelo Paulista, o Timão recebe a Inter de Limeira no próximo domingo, às 16h, em Itaquera.

Veja mais em: Sidcley, Campeonato Paulista e Lucas Piton.

Veja Mais:

  • Sábado marcou nascimento do filho de Ramiro

    Últimas do Corinthians: previsão de Malcom, goleiro satisfeito e meia na mira de time mineiro

    ver detalhes
  • Filho do jogador nasceu neste sábado

    Com direito a roupa do Corinthians, Ramiro posta primeira foto e vibra com chegada do filho

    ver detalhes
  • Corinthians ainda deve receber dinheiro pelo Paulistão

    Corinthians ainda tem um terço dos direitos de transmissão do Paulista para receber

    ver detalhes
  • Treinador falou sobre a quebra de ritmo causada pela paralisação

    Técnico do Corinthians concorda com volta do NBB nos playoffs, mas aponta dificuldades

    ver detalhes
  • Pacaembu é um dos grandes palcos da história do Corinthians

    Em casa! Como Corinthians transformou o Pacaembu no palco mais vitorioso de sua história

    ver detalhes
  • Gabriel Strefezza jogou no Corinthians até chegar na categoria Sub-20

    Ex-Corinthians que faz sucesso na Itália relembra formação nas categorias de base do clube

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: