Vitinho relembra trajetória no Corinthians, dificuldade com Covid e garante 'muita raça' no clube

1.9 mil visualizações 22 comentários

Por Meu Timão

Vitinho relembrou toda sua trajetória no Corinthians até sua estreia no profissional

Vitinho relembrou toda sua trajetória no Corinthians até sua estreia no profissional

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O meia Vitinho, recém-promovido da base ao time principal, tem agradado o técnico Vagner Mancini e deve ganhar chance entre os titulares no jogo de domingo, contra o Guarani. No Corinthians desde os cinco anos, o jovem relembrou sua trajetória no clube até o profissional e deixou um recado para a Fiel.

Vitinho começou sua história no Corinthians no Chute Inicial, escolhida de futebol do clube, em Guarulhos. De lá, teve passagem pelo futsal no Parque São Jorge e, aos 11 anos, foi jogar no campo. Um dos grandes destaques do clube, mesmo ainda muito jovem, o meia passou por todas as categorias até alcançar o Sub-20. Apesar de toda expectativa que já deixava na comissão técnica e na torcida, Vitinho relembrou as dificuldades físicas que enfrentou e contou como se recuperou de lesões.

"Eu cheguei no Sub-20 já especulado pelo meu passado, mas infelizmente meu corpo na época não dava conta, não era apropriado, então acabei tendo muitas lesões musculares, que me prejudicaram. Eu coloquei na cabeça que precisava trabalhar meu corpo e junto com o pessoal da base, comissão, preparadores, deu certo. Me ajudaram, trabalhei bastante e fui ganhando maturidade. No meu último ano de Sub-20 eu pude estar preparado bem fisicamente, mentalmente e fazer uma boa temporada. Chegamos na semi do Brasileiro e na final do Paulista", contou, em entrevista para a TV do clube - veja o vídeo completo abaixo.

Integrando o time profissional, Vitinho receberia sua primeira oportunidade contra o Red Bull Bragantino, mas o jovem testou positivo para a Covid-19 e teve que ser cortado da partida e afastado temporariamente dos treinos. Recuperado e de volta ao CT, o corinthiano fez sua estreia contra o São Caetano.

"Eu recebi que seria convocado, fiquei muito feliz, fui falar pro meu pai. Era pra ter sido contra o Bragantino, mas fiz o teste do Covid e deu positivo. Não fiquei triste, sabia que teriam outras oportunidades, como teve, mas fiquei cabisbaixo. Meu pai falou, faz parte, acontece, a época era assim, mas foi bem marcante. Eu poderia ir pro jogo, mas teve isso. Passou, recuperei, e ai fui chamado contra o São Caetano, quando fiz a estreia. Foi a mesma coisa, recebi a notícia fiquei ainda mais feliz porque sabia que não ia ter Covid nem nada pra atrapalhar. Foi muito marcante, eu tinha certeza que iria dessa vez", relembrou.

"Eu tava muito nervoso, frio na barriga, tava até com blusa de frio... no aquecimento também, estava tenso, vendo os jogadores do meu lado. Vi na final do mundial o Cássio, tenho Fábio também como ídolo, e eles estavam ali do meu lado, aquecendo. Quando Mancini me chamou eu falei 'nossa, chegou minha hora. Não sei o que eu faço lá dentro, mas vou ter que correr'. Era correr e dar meu máximo. Quando eu dei o primeiro toque na bola parecia que eu estava no Sub-15 jogando ainda, passou muita coisa pela cabeça ali, mas depois eu fiquei mais tranquilo", completou logo em seguida.

Vitinho aproveitou a oportunidade para deixar um recado para a torcida corinthiana, contando o que esperar dele em campo com a camisa do Timão. Ele garantiu dar seu máximo para conquistar seu maior sonho: ser campeão com o Corinthians.

"Podem esperar muita raça, vontade, velocidade, jogo rápido, eu procuro sempre jogar pra frente, fazer gol, chegar na área. É almejar títulos, agora o Paulista que estamos disputando, depois Copa do Brasil, o que for... meu grande sonho, verdadeiro, é ganhar um título com o Corinthians, não importa a competição que seja", disse o jovem.

Confira a entrevista completa de Vitinho

Veja mais em: Elenco do Corinthians, Base do Corinthians e Vitinho.

Veja Mais:

  • Corinthians decide a vaga nas oitavas de final da Libertadores contra o Always Ready

    Corinthians inicia venda de ingressos para jogo contra o Always Ready, na Libertadores; saiba tudo

    ver detalhes
  • Cássio falou com a imprensa no CT

    Cássio rebate pergunta sobre dificuldade do Corinthians contra o São Paulo e valoriza Arena

    ver detalhes
  • Gabi Zanotti sofreu uma torção no tornozelo nesta semana e já iniciou tratamento na fisioterapia

    Gabi Zanotti tem lesão e vira dúvida para próximo compromisso; veja semana do Corinthians Feminino

    ver detalhes
  • Corinthians conheceu maiores detalhes das rodadas 11 a 15 do Brasileirão

    Corinthians conhece jogos de mais cinco rodadas do Campeonato Brasileiro; veja detalhes

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians em frente à Bombonera horas antes de duelo contra o Boca Juniors - Fiel passou por apuros na Argentina

    Corinthians e FPF enviam ofícios à Conmebol para cobrar punição ao Boca Juniors

    ver detalhes
  • Giuliano respondeu perguntas da torcida em comemoração aos 7 milhões de seguidores do Corinthians no Twitter

    Corinthians chega aos sete milhões de seguidores no Twitter e Giuliano 'ajuda' em comemoração

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x