Fanatismo, relação com o Corinthians e música: conheça o MC Hollywood

1.8 mil visualizações 12 comentários

Por Raul Moura e Victor Gomes

MC Hollywood é corinthiano fanático e falou ao Meu Timão

MC Hollywood é corinthiano fanático e falou ao Meu Timão

Diretor Lin

Iago Ribeiro Sasso, nascido em 1993 e criado na Zona Leste de São Paulo, é mais conhecido pelo seu nome artístico: MC Hollywood. Popularizado no meio do funk, o cantor vem mostrando uma outra paixão nos últimos tempos: o Corinthians.

Corinthiano desde cedo, o cantor sempre esteve nos jogos do Timão. O seu primeiro foi com seu tio, no Pacaembu, contra o Grêmio. Seu maior sonho era ser jogador do Corinthians, mas a vida o levou para cima dos palcos.

Seguindo o sonho de nomes como Catra, Bonde do Tigrão, Furacão 2000 e Claudinho & Buchecha, Iago subiu em um palco pela primeira vez em 2012. Em 2020, embalado por pedidos da torcida, lançou a sua primeira música para o Corinthians: Homenagem à Torcida do Corinthians. Agora é a vez de falar sobre a vivência do torcedores em um estádio. Na semana passada, o cantor lançou lançou Coração Preto e Branco - veja abaixo.

Em entrevista exclusiva ao Meu Timão, MC Hollywood falou sobre o seu corinthianismo, música e a relação com o clube do Parque São Jorge. Confira abaixo!

O começo

MC Hollywood começou a mostrar publicamente seu amor pelo Corinthians após a chegada de Tiago Nunes, mais precisamente por conta das saídas de Jadson e Ralf. O cantor também ficou em evidência por conta de Deyverson e a rivalidade contra o Palmeiras.

"Todo mundo sabe que eu sou corinthiano, mas eu não não mostrava isso no dia a dia, né? Até que foi quando o Tiago Nunes chegou no Corinthians, onde fez umas merdas, tirou Ralf e Jadson, e perdeu para o Palmeiras. Depois disso, fiz uns stories falando como torcedor e viralizou", disse em entrevista ao Meu Timão.

Com a repercussão positiva entre a torcida do Corinthians, Tio Holly, como é chamado por muitos, começou a falar cada vez mais do clube. Além de publicações, o cantor também passou a fazer lives e músicas para o Timão.

"Gerou bastante repercussão, aí a torcida começou a pedir uma música, né? Nada mais justo que fazer homenagem à torcida. Eu fiz porque a torcida pediu, aí eu comecei a fazer live porque eu gosto, acompanho e eu também sou amigo de alguns ex-jogadores, como o Neto, Vampeta e Luisão, além de conhecer alguns jogadores do elenco atual. Então, basicamente, foram os torcedores que fizeram eu fazer a música", explicou.

Adaptação durante a pandemia

Sem uma grande agenda de shows, os cantores tiveram que se adaptar e encontrar novos meios de estarem em contato com seus fãs durante a pandemia do coronavírus. Para MC Hollywood, o Corinthians foi uma forma de se conectar com os torcedores do Timão.

De acordo com o cantor, o seu vínculo afetivo com o clube ficou ainda mais forte durante esse período. Isso foi possível muito por conta do carinho que recebeu por parte da Fiel nas redes sociais.

"Por causa da pandemia, a gente teve que se adaptar a rede social, fazer live e tudo mais. O futebol o Corinthians foi um uma parada que serviu como hobby, foi uma válvula de escape. Então, me apeguei ainda mais ao meu clube. Como não tinha conteúdo para gerar e fui abraçado pela torcida, encontrei uma forma de retribuir. Tudo foi de uma forma natural, onde os torcedores pediam pra eu falar o que achei de tal jogo, de escalação, fazer live. Antes de ser MC, sou corinthiano, então usei minha profissão para fortalecer isso", revelou o cantor.

Momento atual do Corinthians

Com o Corinthians na quarta colocação do Campeonato Brasileiro, MC Hollywood falou sobre o momento do time dentro de campo. Para o MC, o ano é de reformulação e o trabalho de Duilio está sendo bem feito. Além disso, o cantor fez questão de elogiar ainda mais a Fiel, que ajudou o Timão a vencer as seis partidas com público na Neo Química Arena até aqui.

"Eu vejo que o Corinthians está num período de reformulação, porque teve muita dívida da gestão passada. O Duilio está fazendo um trabalho bom até o momento, eu vejo que ele está enxugando a folha salarial. Teve contratações pontuais? Teve, mas a maioria dos jogos aí com público na Arena, ganhou porque a torcida empurrou", avaliou Hollywood.

"Então o diferencial somos nós. Os torcedores, e eu me incluo nisso aí entendeu? Então, o maior reforço está de volta que a torcida, porque é gigante, é enorme e com o torcedor ele fica muito mais forte. Então, dá pra brigar por por coisas maiores! Acho que a gente tem que ir passo a passo, não ir com muita sede ao pote, já tem um elenco, uma base pra 2022 e é brigar por título, sem desespero", concluiu.

Ouça a música Coração Preto e Branco

Veja mais em: Torcida do Corinthians.

Veja Mais:

  • Fábio Santos foi o autor do gol do Corinthians na vitória contra o Athletico-PR

    Corinthians vê Internacional só empatar e garante vaga na Libertadores 2022; veja tabela completa

    ver detalhes
  • Fábio Santos marcou gol de pênalti e o Corinthians voltou a vencer no Brasileirão

    Corinthians vence o Athletico-PR na Neo Química Arena com gol de pênalti de Fábio Santos

    ver detalhes
  • Renato Augusto foi eleito o melhor jogador do Corinthians no duelo contra o Athletico-PR

    Renato Augusto volta a ser eleito o melhor da partida pelo Corinthians; técnico é o pior

    ver detalhes
  • Du Queiroz e Fábio Santos foram dois dos destaques do Corinthians contra o Athletico-PR

    Frieza de Fábio Santos e elogios a Du Queiroz: torcida repercute vitória do Corinthians nas redes

    ver detalhes
  • Sylvinho elogiou o desempenho do Corinthians contra o Athletico-PR

    Sylvinho comenta postura do Corinthians contra o Athletico-PR e dificuldade para fazer o gol

    ver detalhes
  • Corinthians venceu a Ferroviária e define título do Paulistão Feminino Sub-17 contra o São Paulo

    Corinthians vence a Ferroviária fora de casa e está na final do Paulistão Feminino Sub-17

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x