Coelho detona gestão da base do Corinthians e revela quase 'dispensa' de Piton

9.3 mil visualizações 92 comentários

Por Meu Timão

Dyego Coelho foi duro ao criticar a gestão da base do Corinthians

Dyego Coelho foi duro ao criticar a gestão da base do Corinthians

Danilo Fernandes / Meu Timão

Ex-treinador do Corinthians, o técnico Dyego Coelho foi duro ao analisar o trabalho de formação de atletas do clube. Além de colocar o nível técnico da base abaixo de outras equipes, ele atrelou parte do insucesso do clube a pessoas que, segundo o próprio, não possuem capacidade para exercer os respectivos cargo.

"Falando em nível técnico, tático, hoje a base está muito abaixo dos outros grandes. Tem coisas que precisam mudar drasticamente para ajudar esses meninos, que são bons jogadores, de muito talento, e que precisam ser trabalhados. As coisas caem em cima da competência do profissional que está no comando. Nesse ponto, o Corinthians está muito abaixo", analisou Coelho, em entrevista ao Globo Esporte.

"Sabemos como é um clube político e quantas pessoas boas tem ali. E o pior de tudo é que as pessoas que querem o bem do Corinthians estão mais no topo. O problema são alguns funcionários sem capacidade para estar ali, para gerir adolescentes, situações táticas, e trazer o bem para o clube. E tem todas as condições de ajudar as pessoas, parar de pensar em si mesmo, parar de humilhar as pessoas, mas essas pessoas continuam ali dentro como se fosse normal", pontuou o treinador.

No período em que comandou o Sub-20 do Corinthians, Coelho trabalhou de perto com uma série de jogadores que hoje integram o profissional do clube alvinegro. Ele elogiou a maneira como o clube lapidou esses jogadores, e revelou que alguns atletas estiveram próximos de serem dispensados pelo Corinthians.

"Não sei se todos sabem, mas a 'geração boa' foi embora antes. Essa de Du Queiroz, Vitinho, GP, a geração já tinha ido. Os 'melhores' já tinham ido embora, alguns desses estavam até em lista de dispensa. Como a gente não tinha condições de comprar jogador como alguns clubes, a gente tinha que peneirar alguns jogadores que tinham condições de jogar o Sub-20", revelou Coelho.

"O Piton estava em uma lista de dispensa. Ele veio do futsal e não jogava na lateral, jogava na frente, não de lateral-esquerdo. Aí a gente não tinha lateral-esquerdo e testamos, olha a situação para achar um jogador ali", conta o treinador.

Coelho também respondeu sobre Gabriel Pereira, nome hoje de sucesso no profissional do Corinthians. Ele fez fortes elogios à parte técnica do jogador, mas fez uma ressalva importante quanto a seu lado psicológico.

"Ele tem uma situação que às vezes sai da casinha, o pensamento dele vai além do que pode servir ao clube. Mas é um garoto de muito talento, se tiver alguém controlando a cabeça dele, 'teu lugar é aqui, calma', por que às vezes ele sai um pouquinho da casinha e a gente tem que trazer ele de volta. Ele fez uma Copinha muito boa e entendeu onde era o lugar dele. Mas ele é muito diferente, tem uma situação que poucos extremas tem, que é a boa finalização", analisou Coelho.

Outro atleta analisado por Coelho foi Du Queiroz, volante que vem se destacando nos jogos-treino do clube na pré-temporada. O treinador analisou o passado do jogador, e destacou o lado humano de Du Queiroz, além de revelar um forte elogio do técnico Eduardo Barroca, que também comandou o Sub-20 do Corinthians.

"Ele vem de uma dificuldade muito grande. Não gosto muito de tocar nesse assunto, mas para o Du é algo importante. O ser humano, no meu modo de ver, vem antes do atleta, e em um clube grande como o Corinthians, muitas vezes as coisas não aconteciam. E não custa nada perguntar a um atleta se está tudo bem na casa dele", disse Coelho

"É a cara do Corinthians. Para você ter uma ideia, quem jogava na posição dele era o Roni, depois o Xavier, e ele sempre ficava atrás desses caras. E o Barroca falava 'o Du é fo**'", relatou Coelho.

Veja mais em: Dyego Coelho e Corinthians Sub-20.

Veja Mais:

  • Nos últimos 630 minutos de bola rolando do Corinthians, Vítor Pereira utilizou Róger Guedes em apenas 27% do período

    Róger Guedes perde espaço com Vítor Pereira e atua apenas 27% dos minutos do Corinthians em maio

    ver detalhes
  • O Corinthians entra em campo nesta quinta-feira, contra o Always Ready, atrás de uma classificação para as oitavas de final da Libertadores

    Corinthians tem semana com jogo decisivo na Libertadores, Brasileiro, feminino, base e futsal; veja

    ver detalhes
  • Neo Química Arena bateu o recorde de público de 2022 neste domingo; valores arrecadados já ultrapassam o dobro de 2021

    Corinthians dobra bilheteria de toda a temporada 2021 em apenas quatro meses de 2022; veja valores

    ver detalhes
  • Corinthians e São Paulo ficaram no empate pelo Brasileirão

    Corinthians empata com o São Paulo na Neo Química Arena e mantém liderança do Brasileirão

    ver detalhes
  • Cássio foi eleito o melhor em campo no empate entre Corinthians e São Paulo

    Cássio é eleito o craque do empate entre Corinthians e São Paulo; meia é o pior em campo

    ver detalhes
  • Vítor Pereira concedeu entrevista coletiva e falou sobre Róger Guedes

    Vítor Pereira diz que Róger Guedes não está passando confiança nem nos treinos e pede mais empenho

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x