Venha fazer parte da KTO
x

Corinthians aproveita presentes, goleia Argentinos Juniors e está no mata-mata da Sul-Americana

21 mil visualizações 370 comentários Reportar erro

Corinthians venceu o Argentinos Juniors na noite desta terça-feira

Corinthians venceu o Argentinos Juniors na noite desta terça-feira

Jhony Inacio / Meu Timão

Corinthians 4 X 0 Argentinos Juniors

Sul-Americana 2024
14 de maio de 2024, 21:30
Corinthians 4 x 0 Argentinos Juniors
Neo Química Arena, São Paulo, SP.

Na noite desta terça-feira, o Corinthians deu mais um passo importante na Sul-Americana. Na Neo Química Arena, o Timão construiu a vantagem na primeira metade do jogo e bateu o Argentinos Juniors, por 4 a 0.

O clube alvinegro encontrou dificuldades nos primeiros minutos, mas a bola parada abriu o caminho, em cabeceio de Yuri Alberto. Após algumas chances, a equipe argentina presenteou o Timão em duas oportunidades, aproveitadas por Romero e Yuri Alberto no fim da etapa inicial. No segundo tempo, houve chances para ambos os lados, mas Fausto Vera fez valer a lei do ex e fechou a conta para o Corinthians.

Com o resultado, o elenco comandado por António Oliveira chegou aos dez pontos no Grupo F e garantiu a vaga antecipada para o mata-mata da Sul-Americana. O clube do Parque São Jorge brigará pelo primeiro lugar na última rodada diante do Racing, do Uruguai, que está na dianteira da chave, com 11 pontos.

Anota aí, Fiel! O Corinthians retorna aos gramados no próximo domingo, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Às 16h, na Neo Química Arena, o Timão recebe o Botafogo.

Escalação

António Oliveira promoveu duas mudanças na equipe titular, com os retornos de Raniele e Yuri Alberto nas vagas de Paulinho, que desfalcou a equipe, e Gustavo Henrique, redesenhando o 4-3-3. Sendo assim, o Corinthians foi a campo com: Carlos Miguel; Fagner, Félix Torres, Cacá e Hugo; Raniele, Breno Bidon e Rodrigo Garro; Romero, Wesley e Yuri Alberto.

vs Argentinos

Meu Timão

No banco de reservas, o treinador teve as seguintes opções à disposição: Cássio, Matheus Donelli, Caetano, Fausto, Gustavo Henrique, Giovane, Gustavo Mosquito, Pedro Raul, Matheus Bidu, Biro, Léo Mana e Igor Coronado.

Comandado por Pablo Guede, o Argentinos Juniors iniciou o jogo com: Diego Rodriguez; Meza, Godoy, Palacio e Montiel; Gamarra, Oroz e Viveros; Gastón Verón, Batallini e Maxi Romero.

O jogo

Primeiro tempo

Apesar do apoio da torcida, o Corinthians encontrou dificuldades no início do jogo, com o Argentinos Juniors ocupando o campo de ataque e tendo laterais à disposição. Gastón Verón tentou um cabeceio aos três minutos, acionando a primeira intervenção de Carlos Miguel. Depois Oroz arriscou de longe, mas mandou por cima da meta.

O Timão começou a se acertar e, na primeira oportunidade, fez a Neo Química Arena explodir de alegria. Aos nove minutos, Fagner cobrou falta do lado direito, em direção à primeira trave. Yuri Alberto se antecipou e tocou de cabeça, no canto direito de Rodriguez, para balançar as redes e abrir o placar. 1 a 0 Corinthians!

A vantagem, porém, ainda não era tranquila. A equipe argentina tinha a posse da bola e buscava jogadas pelos lados para incomodar a defesa corinthiana. A bola parada também ameaçava, mas o Timão conseguiu os cortes cruciais na entrada da área.

As respostas do Corinthians vinham em jogadas de velocidade. Aos 17, Garro recebeu na intermediária e fez o passe para Hugo. O lateral dominou, avançou para a linha de fundo e cruzou. Yuri Alberto recebeu o cruzamento e finalizou de esquerda, mas teve um desvio no meio do caminho, jogando para escanteio.

O clube alvinegro não estava confortável com a construção na saída de bola, mas aproveitava as roubadas de bola no ataque para gerar perigo. Aos 25, Wesley recebeu na esquerda, trouxe para o meio e exigiu defesa de Rodriguez. Quatro minutos depois, foi a vez de Garro dominar um rebote na meia-esquerda e soltar um petardo. O goleiro adversário voltou a aparecer com mais uma defesa.

Não demorou para o Corinthians desarmar próximo à área rival e quase ampliar o marcador. Aos 31 minutos, Romero interceptou um passe na frente da grande área, sobrando para Bidon. O volante tocou para Garro, que dominou, girou e bateu no canto direito de Rodriguez. O goleiro se esticou e fez nova intervenção.

Rodriguez vinha salvando o Argentinos Juniors, mas foram dos seus pés que vieram o primeiro presente da noite para o Timão. Aos 41, o goleiro tentou um passe para esquerda, mas saiu baixo, e Romero interceptou. A bola ficou nos pés de Wesley, que encobriu o arqueiro com um lindo toque de direita e fazer o segundo. 2 a 0 Corinthians!

Na saída de bola, apareceu o segundo presente em Itaquera. O zagueiro Godoy tentou recuar para Rodrigues, mas a tentativa ficou curta e imprecisa. Yuri Alberto, próximo da jogada, correu em direção da bola e, já na grande área, finalizou no canto esquerdo de Rodrigues para anotar o terceiro gol da noite. 3 a 0 Corinthians!

Segundo tempo

António Oliveira voltou com apenas uma troca para o segundo tempo. Félix Torres, que sofreu duas entradas no tornozelo direito, deixou o campo para o lugar de Gustavo Henrique.

O Corinthians, com a vantagem no placar, demonstrava mais tranquilidade nas ações. O Argentinos Juniors continuava dominando a posse de bola, mas não encontrava oportunidades de gol. Montiel teve a melhor chance aos dez, em chute de longe, mandando por cima do gol.

O Timão não trocava tantos passes no ataque, mas quando chegou, criou finalizações. Bidon tabelou com Garro, que cruzou para trás. Yuri Alberto foi o alvo e chutou que esquerda, sendo bloqueado. No escanteio, Raniele tentou da mesma forma, jogando pelo lado direito.

O momento era do Corinthians. Aos 15 minutos, Raniele impediu uma finalização na defesa e puxou contra-ataque para o time alvinegro. Ele acionou Romero na direita, que inverteu para Wesley. O atacante partiu no mano a mano com o adversário, puxou para o meio e chutou forte. Rodriguez saltou e colocou para fora.

Apesar do resultado tranquilo, a equipe argentina tinha alternativas de perigo. Após erro de Garro na saída de bola, Gáston Verón conduziu pela esquerda e chutou no canto direito de Carlos Miguel. A bola, porém, foi na rede pelo lado de fora.

Aos 25 minutos, António Oliveira realizou outras duas modificações na equipe. Garro e Romero deixaram o campo, dando lugar a Igor Coronado e Gustavo Mosquito.

O Argentinos Juniors passou a criar perigos de diversas formas à defesa do Corinthians. Além de cruzamentos pelos lados, sem que ninguém finalizasse, o passe por dentro também entrou, dessa vez com Heredia, que dominou na entrada da área e bateu firme, mas Carlos espalmou a fez a defesa.

Com a melhora do adversário, António mexeu na equipe. Pedro Raul entrou no lugar de Yuri Alberto, e Fausto Vera foi acionado na vaga de Wesley.

Os minutos finais foram de controle total do Corinthians, que conseguia manter a bola no campo ofensivo e gastar o relógio. Aos 44, Igor Coronado arriscou uma falta lateral ao bater direto para o gol, mas mirou no meio da meta, facilitando a defesa de Rodriguez. Logo depois, o Timão teve gol anulado de Mosquito, após duas defesas do goleiro adversário por impedimento de Pedro Raul.

Ainda sobrou tempo para o clube alvinegro fechar a conta, com direito a lei do ex. Aos 47 minutos do segundo tempo, Raniele tocou para Fausto Vera, que trombou com a defesa e ficou com a sobra na frente da área. Com a perna esquerda, o volante finalizou sem chances para Rodrigues, dando números finais ao jogo. 4 a 0 Corinthians!

Veja mais em: Corinthians x Argentinos Juniors e Copa Sul-Americana.

Notas dadas aos personagens da partida

Titulares

Reservas

Treinador

Árbitro

Imagens da partida

Comente a notícia: