Tiago Nunes quer mais coragem do Corinthians

Marco Bello

Setorista do Corinthians desde 2009 pela Rádio Transamérica, Marco Bello acompanha o dia a dia do clube

ver detalhes

Tiago Nunes quer mais coragem do Corinthians

Coluna do Marco Bello

Análise de Marco Bello

5.1 mil visualizações 73 comentários Comunicar erro

Tiago Nunes quer mais coragem do Corinthians

Jogadores do Corinthians recebem instruções antes do treino

Foto: Daniel Augusto Jr - Agência Corinthians

O técnico Tiago Nunes observou um ponto importante que precisa ser mudado no Corinthians para que o time volte a pensar grande e consiga jogar um futebol mais vistoso e vencedor: a coragem dos jogadores.

O treinador percebeu em seus dois meses à frente do Timão que alguns atletas simplesmente não chutam a gol. Outros não tentam o drible, ou tentam uma vez e desistem. E outros ainda traçam uma linha imaginária no campo e não a ultrapassam sem que ninguém peça.

Isso acontece, claro, por insistentes ordens do antigo treinador que tinha um estilo de jogo conservador e defensivista.

Janderson, por exemplo, é considerado um jogador corajoso. Pode não ser o mais habilidoso do elenco, mas tenta o drible o jogo todo e não se intimida com as marcações.

Já Pedrinho e Mateus Vital precisam melhorar neste aspecto. São mais habilidosos que o jovem atacante, mas se intimidam durante o jogo e simplesmente param de tentar.

Pedrinho, na cabeça do treinador, estabeleceu a linha da grande área como um ponto de parada. Chegando lá, ou ele tenta o chute ou passa a bola.

Tiago tem insistido para o meia entrar na área, ou “pisar na área”, como gostam os treineiros.

Aos laterais e volantes, cabem os chutes. Abriu, tem que chutar.

Lucas Piton, para se tornar titular absoluto, vai ter que se soltar mais. Apesar de ter um cruzamento mais preciso que o de Sidcley, o jovem lateral não arrisca no mano a mano.

Quando vê um marcador à frente, não tenta o drible, não vai pra cima. Tiago está tentando mudar isso também.

Os jogadores como um todo precisam assimilar que o Corinthians é o time grande. Que precisam ir pra cima, atacar, apertar, colocar medo no adversário. O outro time é que precisa se preocupar.

Assim que isso for assimilado internamente pelos jogadores, ficará muito mais fácil colocar em prática o estilo de jogo do treinador.

E mais: o que diretoria, jogadores, imprensa e torcida pensam sobre Tiago Nunes

Veja mais em: Elenco do Corinthians e Tiago Nunes.

Coluna do Marco Bello

Por Marco Bello

Marco Bello é jornalista, apresentador e repórter da Rede Transamérica de Rádio, setorista do Corinthians desde 2009

O que você achou do post do Marco Bello?